Guias e chamados
Estudo Pessoal e Familiar do Curso
anterior seguinte

Estudo Pessoal e Familiar do Curso

Se o curso Ensinar o Evangelho não estiver sendo oferecido em sua ala no momento ou se você não tiver condições de freqüentá-lo, você pode estudar as lições sozinho ou com a família. No entanto, você não deve achar que o estudo pessoal ou familiar seja motivo para recusar participar do curso quando for convidado. Você se beneficiará muito mais ao reunir-se com outras pessoas para trocar idéias e aprender juntos sobre o aperfeiçoamento didático.

Chaves para o Estudo Individual ou Familiar

Leia “Auxílios para o Professor”, nas páginas 186–187. Adapte as sugestões a suas próprias circunstâncias.

Faça um compromisso pessoal. Seu estudo será mais produtivo se você iniciá-lo com um compromisso pessoal de aperfeiçoar-se e a disposição de concluí-lo diligentemente.

Estude as lições na seqüência correta, vendo no máximo uma por semana. Você precisará de tempo entre uma lição e outra para aplicar o que aprendeu.

Providencie um caderno. Registrar seu progresso é parte importante do curso Ensinar o Evangelho. Durante as aulas, aparecem oportunidades para anotar observações, impressões, planos, experiências e progresso relacionados ao curso.

Cumpra as designações. Você só terá êxito em seu empenho para aperfeiçoar-se caso ponha em prática o que aprender. Cada lição contém designações para ajudá-lo a aplicar os princípios em oportunidades de ensino reais. Cumpra-as fielmente. Registre em seu caderno uma auto-avaliação de seu esforço e progresso.

Se estiver estudando com a família, organize seu estudo como se vocês estivessem em sala de aula. Revezem-se para dirigir os debates. Leiam as escrituras sugeridas nas lições, discutam as perguntas e cumpram as designações.

Se estiver estudando sozinho, procure imaginar-se em uma sala de aula. Que contribuição você faria à discussão dos assuntos da aula? Como você responderia às perguntas? Registre suas idéias no caderno. Em “Criar um Programa Pessoal de Estudo do Evangelho”, nas páginas 16–17, há sugestões para realizar seu estudo de modo eficaz.

Se estiver estudando sozinho, encontre alguém a quem possa relatar seu progresso. Seu estudo pessoal melhorará se houver alguém a quem você possa contar suas impressões e idéias. Escolha um familiar, amigo ou líder do sacerdócio ou auxiliar. Informe a essa pessoa suas metas e planos e as vitórias que alcançar.