Guias e chamados
Ensinar a Doutrina
anterior seguinte

Lição 4

Ensinar a Doutrina

Objetivo

Ajudar os participantes do curso a compreender o poder que provém do estudo e ensino das doutrinas do evangelho, que se encontram nas escrituras e ensinamentos dos profetas modernos.

Nota para o Professor

Ao preparar-se para dar esta aula, ore pedindo orientação para ensinar com eficácia a partir das escrituras e dos ensinamentos dos profetas modernos. Conforme a orientação do Espírito, fale dos efeitos que as doutrinas do evangelho tiveram em sua vida quando você as estudou e ensinou.

Preparação

  1. Em espírito de oração, estude as passagens das escrituras desta lição. Procure aplicá-las ao objetivo proposto.

  2. Estude a seção deste livro intitulada “Ensinar a Doutrina” (páginas 49–59) e as seguintes partes da seção “Ensino e Liderança no Evangelho” do Manual de Instruções da Igreja: “Ensinar as Doutrinas e Ordenanças de Salvação do Evangelho” (página 301), “Ensinar pelas Escrituras e Ensinamentos dos Profetas Modernos” (página 302) e “Uso de Materiais Didáticos Aprovados pela Igreja” (página 304).

  3. Peça a um aluno ou outro membro da ala que venha preparado para falar sobre como o aprendizado de uma doutrina específica do evangelho influenciou sua vida.

  4. Se tiver acesso a manuais didáticos produzidos pela Igreja, traga alguns para a sala de aula.

  5. Antes da aula, escreva o seguinte no quadro-negro:

Sugestões para o Desenvolvimento da Lição

O Senhor deu-nos o mandamento de “[ensinar] a doutrina do reino uns aos outros”. A doutrina pode exercer um efeito vigoroso em nossa mente e coração.

Discussão das Escrituras e Uso do Quadro-negro

Chame a atenção dos alunos para as escrituras e perguntas que você escreveu no quadro-negro. (Ver “Preparação”, item 5.)

Explique-lhes que na escritura do quadro-negro, “doutrina do reino” diz respeito às verdades reveladas do evangelho.

Chame a atenção dos alunos para as perguntas que você escreveu no quadro-negro. Antes de pedir que as discutam, peça-lhes que leiam as seguintes passagens das escrituras em voz alta:

  1. Enos 1:1–4. (As doutrinas do evangelho penetram-nos profundamente o coração e induzem-nos a humilhar-nos perante Deus.)

  2. Alma 31:5. (A palavra de Deus leva as pessoas a fazerem o bem e exerce um “efeito (…) poderoso” sobre a mente.)

  3. Alma 32:28. (A palavra de Deus dilata-nos a alma, ilumina-nos o entendimento e torna-se deliciosa para nós.)

  4. Joseph Smith — História 1:11–12. (A palavra de Deus penetra “com (…) poder no coração”.)

Peça aos alunos que discutam as perguntas do quadro-negro.

Apresentação do Aluno

Peça ao aluno designado ou outro membro da ala que fale sobre como o aprendizado de determinado princípio do evangelho influenciou sua vida.

Devemos centrar nosso ensino na doutrina.

Estudo de Caso

Peça aos alunos que tentem imaginar que são membros de uma presidência dos Rapazes, Moças ou Escola Dominical. Um professor de sua organização lhes diz: “Quando dou aula para os jovens, converso bastante sobre coisas como esportes, namoro e cinema. Sinto que se ficar muito tempo ensinando pelas escrituras, os alunos acabarão perdendo o interesse”.

Discussão e Citações

• Que conselhos você pode dar para ajudar essa pessoa a ensinar a doutrina a partir das escrituras?

Durante a discussão, convide três alunos para ler as declarações abaixo. Saliente a importância de ensinarmos a palavra de Deus aos membros da Igreja de todas as idades.

Aos Professores de Adultos

O Presidente Joseph Fielding Smith disse: “Não me agrada assistir a uma reunião e ver o orador pôr-se diante das pessoas e apresentar, ainda que de forma amena, trivialidades, doutrinas dos homens — idéias dos que hoje moldam os pensamentos do mundo, mas que não têm no coração fé em Jesus Cristo nem amor por Ele — ou discorrer sobre assuntos que não estejam em harmonia com os princípios fundamentais do evangelho”. (Doctrines of Salvation, comp. Bruce R. McConkie, 3 vols. [1954–1956], 2:342)

Aos Professores dos Rapazes e Moças

O Presidente J. Reuben Clark ensinou:

“Os jovens da Igreja estão famintos das coisas do Espírito; estão ansiosos para aprender o evangelho e desejam-no na íntegra, sem rodeios. (…)

Vocês não precisam chegar de mansinho e cochichar-lhes religião ao pé do ouvido. (…) Não precisam encobrir as verdades religiosas sob o manto das coisas do mundo; falem delas abertamente.” (The Charted Course of the Church in Education, rev. ed. [pamphlet, 1994], p. 3, 9)

Aos Professores de Crianças Pequenas

O Élder Ezra Taft Benson aconselhou: “Tudo o que lhes pedimos é que incutam no coração dessas crianças confiadas a seus cuidados e orientação que nada neste mundo deve ser-lhes mais caro que o evangelho”. (“Our First Obligation”, Children’s Friend, outubro de 1950, p. 454)

A Todos os Professores do Evangelho

O Élder Boyd K. Packer disse:

“A verdadeira doutrina, quando compreendida, modifica atitudes e comportamentos. O estudo das doutrinas do evangelho transformará positivamente o comportamento com mais rapidez do que o estudo do comportamento poderá fazê-lo.” (Conference Report, outubro de 1986, p. 20; ou Ensign, novembro de 1986, p. 17)

Devemos ter o cuidado de ensinar doutrinas corretas.

Citações e Discussão

Leia a declaração a seguir, feita pelo Presidente Marion G. Romney:

“Quando bebo água em uma fonte, gosto de buscá-la no ponto em que brota da terra, não depois de haver percorrido certa distância e ter sido pisoteada pelo gado. (…) Aprecio a interpretação das pessoas, mas quando se trata do evangelho, devemos familiarizar-nos com o que o próprio Senhor diz.” (Discurso para educadores religiosos, 13 de abril de 1973; citado por J. Richard Clarke em Conference Report, outubro de 1982, outubro de 1982, p. 19; ou Ensign, novembro de 1982, p. 15)

• A que fontes devemos recorrer para ajudar nossos alunos a “[familiarizarem-se] com o que o próprio Senhor diz”? (Possíveis respostas: as escrituras e os ensinamentos dos profetas modernos.)

• Como podemos certificar-nos de estar ensinando doutrinas corretas?

Durante essa discussão, peça aos alunos que leiam Doutrina e Convênios 42:12–13 e 52:9. Saliente que podemos ter certeza de estar ensinando doutrinas corretas quando estamos agindo de acordo com as escrituras e ensinamentos dos profetas modernos. Peça a alguém que leia a seguinte declaração do Presidente Spencer W. Kimball:

“Nenhuma pessoa tem o direito de fazer suas próprias interpretações pessoais ao ensinar nas organizações da Igreja; ela é uma convidada (…) e seus alunos têm motivos para supor que ela, por ter sido chamada e apoiada da forma correta, representa a Igreja e as coisas que ensina são aprovadas pela Igreja.” (The Teachings of Spencer W. Kimball, ed. Edward L. Kimball [1982], pp. 532–533.)

Se tiver trazido manuais recentes da Igreja para a aula, mostre-os agora.

Saliente que os manuais produzidos pela Igreja contêm sugestões de perguntas, atividades e materiais audiovisuais que nos ajudam a centrar nosso ensino nas escrituras e palavras dos profetas modernos.

O Senhor promete-nos grandes bênçãos se aprendermos e ensinarmos Sua doutrina diligentemente.

Citação

Ressalte que devemos estudar as doutrinas do evangelho antes de podermos ensinálas com eficácia. Em seguida, leia a seguinte declaração do Presidente Spencer W. Kimball:

“É comum termos algumas passagens das escrituras ao alcance de nossa memória, como que flutuando na mente, dando-nos a ilusão de que sabemos muito a respeito do evangelho. Se for esse o caso, ter um pouco de conhecimento pode constituir, na verdade, um problema. Estou convencido de que cada um de nós, em algum momento da vida, precisa descobrir as escrituras por si mesmo; e não apenas uma vez, mas redescobri-las continuamente.” (“How Rare a Possession — the Scriptures!” Ensign, setembro de 1976, p. 4)

Discussão das Escrituras e Uso do Quadro-negro

Apague o quadro-negro e faça o quadro abaixo. Explique-lhes que ele mostrará as promessas do Senhor aos professores que “[redescobrem as escrituras] continuamente”. Peça aos alunos que o copiem no caderno. (Peça-lhes que não abram o livro deles nesta página.)

Peça aos alunos que leiam as passagens das escrituras relacionadas no quadro. Depois de lerem cada uma delas, peça que identifiquem coisas que podemos fazer e as bênçãos que receberemos em conseqüência dessas atitudes. Escreva as idéias deles nas respectivas colunas. Incentive-os a registrá-las no caderno. Algumas possíveis respostas estão no quadro a seguir.

Aplicação

Peça aos alunos que anotem no caderno algo específico que farão para seguir os conselhos dessas passagens. Incentive-os também a escrever como acham que essa iniciativa os ajudará a receber as bênçãos do Senhor em suas responsabilidades de ensino.

Conclusão

Testemunho

Conforme a orientação do Espírito, testifique do poder que provém do estudo e ensino das doutrinas do evangelho.

Designações

Incentive os alunos a:

  1. Estudar as escrituras diligentemente todos os dias. (Incentive-os a ler “Criar um Programa Pessoal de Estudo do Evangelho”, nas páginas 16–17 deste livro);

  2. Empenhar-se para cumprir a designação escrita recebida durante a aula, fazendo uma coisa na semana seguinte para melhorar o estudo pessoal do evangelho e registrando os resultados alcançados;

  3. Recapitular os princípios ensinados nesta lição estudando a seção deste livro intitulada “Ensinar a Doutrina” (páginas 49–59).