Guias e chamados
Preparar Todas as Coisas Necessárias
anterior seguinte

Lição 10

Preparar Todas as Coisas Necessárias

Objetivo

Ajudar os participantes do curso a preparar aulas bem-sucedidas.

Nota para o Professor

Ao prepararem as aulas, os professores do evangelho devem fazer a si mesmos três perguntas:

  1. O que deve acontecer na vida das pessoas a quem ensino em decorrência desta aula?

  2. Que princípios específicos devo ensinar?

  3. De que forma devo ensiná-los?

A primeira dessas perguntas ajuda os professores a direcionar a aula de acordo com as necessidades da turma. Com isso em mente, podem decidir o que ensinar. Essa é uma decisão importante, principalmente ao levarmos em consideração que as lições costumam trazer mais informações do que os professores conseguem passar em uma única aula. Ao decidirem o que abordar, os professores devem escolher métodos que complementem a lição, estejam em harmonia com o Espírito e estimulem a diligência no aprendizado.

Ao ministrar a lição, ajude a classe a compreender como preparar as aulas com eficácia e sob a orientação do Espírito. Lembre que sua forma de preparar esta lição pode servir de exemplo para os alunos.

Preparação

  1. Estude a seção deste livro intitulada “Preparar Todas as Coisas Necessárias” (páginas 96–105).

  2. Lembre aos alunos que devem vir preparados para desenvolver um plano para uma aula que darão em breve. Incentive-os a trazer materiais didáticos, como as escrituras e manuais de lições. (Essa designação foi passada no fim da lição 9.)

  3. Traga para a sala de aula um manual recente de lições da Igreja, como um manual da Primária ou de Doutrina do Evangelho em que as lições contenham o objetivo proposto e sugestões de métodos didáticos.

  4. Antes do início da aula, faça o seguinte esquema no quadro-negro:

Sugestões para o Desenvolvimento da Lição

A preparação pessoal é essencial para conseguirmos ensinar o evangelho.

Citação

Peça a alguém que leia a declaração do Élder Dallin H. Oaks que está na página 96.

Apresentação do Professor e Uso do Quadro-negro

Chame a atenção dos alunos para o que você escreveu no quadro-negro e peça-lhes que copiem no caderno.

Explique-lhes que há três perguntas importantes que devemos fazer a nós mesmos ao prepararmos uma aula.

Explique-lhes que durante esta aula os alunos responderão a essas perguntas com base nos materiais didáticos que tiverem trazido.

1. Decidir o que deve acontecer na vida dos alunos em decorrência da aula

Atividade Escrita e Apresentação do Professor

Oriente os alunos a consultar os materiais didáticos que tiverem trazido. Peça-lhes que escrevam o tema de sua lição no alto do quadro. Se estiverem ensinando a partir de um bloco de escrituras, devem anotar no caderno o capítulo e os versículos.

Explique-lhes que com o assunto em mente, podemos decidir como a lição deve influenciar nossos alunos. Ao dar uma aula sobre o dízimo, por exemplo, um professor da Primária pode determinar que as crianças devem compreender o que é o dízimo e por que o pagamos. Ao darem uma aula sobre o templo, os pais podem decidir que seus filhos devem sentir o desejo de levarem uma vida digna para poderem casar-se lá. Ao dar uma aula sobre a noite familiar, um presidente do quórum de élderes pode decidir que a aula deve inspirar os membros do quórum a realizar a noite familiar semanalmente.

Ressalte que muitos manuais de lições da Igreja contêm o objetivo a ser alcançado em cada aula. Mostre aos alunos o manual que você tiver trazido e o objetivo de uma das lições. Explique-lhes que devemos guiar-nos por ele ao nos prepararmos para ensinar.

Peça aos alunos que avaliem as necessidades das pessoas a quem ensinam. Em seguida, faça-lhes a seguinte pergunta:

• Na sua opinião, o que deve acontecer na vida de seus alunos em decorrência da aula?

Explique-lhes que uma possível resposta é o que as pessoas devem compreender, sentir, desejar ou fazer em decorrência da aula. Em seguida, dê aos alunos tempo para refletir sobre a pergunta. Peça-lhes que escrevam suas respostas no quadro que tiverem feito no caderno.

Discussão

Depois que os alunos já tiverem escrito suas respostas, peça a alguns deles que as relatem, bem como o que os levou a elas.

Saliente que ao prepararmos uma aula, devemos avaliar as necessidades das pessoas a quem ensinamos. Com o auxílio do Espírito, podemos saber de que forma a aula deve influenciar nossos alunos. Esse conhecimento nos ajudará a decidir o que ensinar e como fazê-lo.

2. Decidir o que ensinar na aula.

Apresentação do Professor

Saliente que muitas vezes não temos tempo suficiente para passar todas as informações de uma lição. Isso pode acontecer ao usarmos manuais com lições prontas ou outros recursos, como artigos de A Liahona ou discursos de conferência geral. Nesses casos, devemos escolher, em espírito de oração, o que será de maior proveito para nossos alunos.

Lembre que quando ensinamos o evangelho, devemos fazer mais do que simplesmente transmitir idéias. O que mais importa não é a quantidade de informações que passamos, mas a influência que a aula exerce sobre os alunos.

Discussão e Uso do Quadro-negro

• O que podemos fazer para decidir a respeito dos pontos específicos que vamos ensinar? (Sem apagar o quadro que desenhou, escreva as respostas dos alunos no quadro-negro. Observe que alguns pontos importantes estão relacionados abaixo. Faça menção a essas idéias caso os alunos as omitam.)

  1. Estudar a mensagem da lição em espírito de oração;

  2. Fazer uma lista dos princípios-chave abordados na lição;

  3. Ter sempre em mente as necessidades e peculiaridades dos alunos;

  4. Seguir a orientação do Espírito.

Incentive os alunos a começarem a preparar-se para a aula com pelo menos uma semana de antecedência. Assim, terão tempo para refletir e orar a respeito da mensagem, compreendê-la e pensar em formas atraentes de apresentá-la.

Atividade Escrita

Peça aos alunos que consultem novamente os materiais didáticos que trouxeram. Peça que respondam à pergunta a seguir, ainda com as necessidades da turma em mente. Incentive-os também a pensar no que as pessoas a quem ensinam estão preparadas para receber.

• Nesta lição, quais são as idéias mais importantes para seus alunos?

Dê tempo para que os alunos ponderem essa pergunta. Peça-lhes que escrevam as respostas no quadro que fizeram no caderno, na coluna “Que princípios específicos devo ensinar?”

Discussão

Depois de dar tempo suficiente para os alunos responderem às perguntas, peça a alguns deles que revelem suas respostas e o que os conduziu a elas.

3. Decidir como apresentar a lição.

Discussão

Explique aos alunos que depois de decidirmos o que ensinar, devemos determinar a forma de fazê-lo. Isso envolve a escolha de métodos que ajudem as pessoas a compreender os princípios de que vamos tratar.

• Quais são alguns métodos que podemos utilizar para ensinar o evangelho? (Ajude os alunos a recordarem os métodos demonstrados nas lições 8 e 9. Lembre-os também da lista que há na página 158 deste livro.)

Saliente que os métodos didáticos devem edificar nossos alunos, estimular a diligência no aprendizado e ajudá-los a compreender e aplicar os princípios do evangelho.

Atividade Escrita

Oriente os alunos a olhar novamente para o quadro que fizeram no caderno. Peça que reflitam sobre um princípio que escreveram na coluna “Que princípios específicos devo ensinar?” Dê-lhes alguns minutos para pensar em um método que podem usar no ensino desse princípio e para colocá-lo no quadro.

Mostre o manual de lições que você trouxe. Ressalte que alguns manuais contêm sugestões para o ensino de determinados princípios. Os professores podem usá-las ou, com base nas necessidades da turma, lançar mão de suas próprias idéias.

Depois de dar aos alunos tempo suficiente para escrever no caderno, peça a alguns deles que exponham as idéias que lhes vieram à mente.

Conclusão

Citação

Leia a seguinte declaração do Presidente David O. McKay:

“Os professores devem guiar-se por três princípios: primeiro, devem imergir no assunto (…); segundo, pô-lo em prática; terceiro, tentar fazer com que [seus alunos] o incorporem à própria vida. Não devem simplesmente despejar o conteúdo, mas ajudar a classe a ver o que eles vêem, a saber o que sabem e sentir o que sentem.”

(Gospel Ideals [1953], p. 454)

Incentive os alunos a porem em prática os princípios abordados nesta lição. Assegurelhes de que se o fizerem em espírito de oração, conseguirão planejar aulas que ajudarão as pessoas a aprender as doutrinas do evangelho e aplicá-las em sua vida.

Testemunho

Preste testemunho conforme a orientação do Espírito.

Designações

Incentive os alunos a:

  1. Concluir a preparação para a aula que iniciaram em classe. Escrever no caderno sobre a experiência que tiverem ao preparar e ministrar a lição;

  2. Estudar os princípios ensinados na lição deste livro intitulada “Preparar Todas as Coisas Necessárias” (páginas 96–105);

  3. Preparar-se para a lição da próxima semana estudando Mateus 7:1–5. Avaliar se algumas das dificuldades que enfrentam como professores são causadas por algo que eles próprios estejam fazendo. Pensar sobre as mudanças que poderão fazer. Ao agirem assim, devem refletir sobre os conselhos deixados pelo Senhor em Éter 12:27,37 a respeito das bênçãos que podemos receber se tivermos humildade para reconhecer nossas fraquezas.