Tópicos
Controle da Natalidade
Notas de rodapé

Hide Footnotes

Tema

Controle da Natalidade

Quando marido e mulher são legalmente casados e fisicamente capazes, eles têm o privilégio de prover corpos mortais para os filhos espirituais do Pai Celestial. O casal é parte importante no grande plano de felicidade que permite aos filhos de Deus receber corpos físicos e participar da experiência da mortalidade.

Se você é casado, você e seu cônjuge devem discutir a sua sagrada responsabilidade de trazer filhos ao mundo e de criá-los em retidão. Ao fazer isso, considerem a santidade do significado da vida. Ponderem a alegria que advém de se ter filhos no lar. Considerem as bênçãos eternas que são provenientes de se possuir uma posteridade boa. Com um testemunho desses princípios, você e seu cônjuge estarão preparados para decidir, em espírito de oração, quantos filhos devem ter e quando tê-los. Tais decisões devem ser tomadas entre vocês dois e o Senhor.

Ao discutir essa sagrada questão, lembrem-se de que as relações sexuais dentro do casamento têm a aprovação divina. Se, por um lado, tais relações têm o propósito de prover corpos físicos para os filhos de Deus, por outro, elas têm o objetivo de expressar amor um pelo outro—de aproximar marido e mulher em lealdade, fidelidade, consideração e em um mesmo propósito.