1.2 Responsabilidades
    Notas de rodapé

    1.2 Responsabilidades

    Seguem-se as responsabilidades específicas dos gerentes, dos supervisores, do gerente ou coordenador de segurança, saúde e meio ambiente, e dos funcionários. Essas responsabilidades serão explicadas mais adiante com mais detalhes neste manual.

    1.2.1 Gerentes

    A fim de proteger os funcionários e garantir o sucesso do programa de segurança e saúde, é essencial que todos os níveis de gerenciamento apoiem o programa. A gerência é encorajada a apoiar ativamente este programa e participar visivelmente das iniciativas de segurança e saúde. Eles devem se empenhar para implementar as diretrizes deste manual, incluindo o seguinte:

    • Proteger e melhorar continuamente os processos e programas de segurança e saúde existentes.

    • Incentivar os funcionários a participar do programa de segurança e saúde e conceder um tempo razoável para que eles façam isso durante o dia de trabalho.

    • Cumprir as leis e os regulamentos aplicáveis do governo local.

    • Implementar programas e práticas básicos que fazem parte do programa geral de segurança e saúde, incluindo o seguinte:

      • Um programa de prevenção de acidentes e lesões

      • Reuniões de treinamento e programas para melhorar a segurança e a saúde dos funcionários

      • O sistema mundial de relatórios de incidentes (GIR) (ver incidents.churchofjesuschrist.org) para relatar incidentes e quase acidentes

      • Um comitê ativo de segurança e saúde

      • Um programa de inspeção de segurança

      • Um quadro de avisos de segurança e saúde

    As questões de segurança e saúde devem ser um item regular da agenda das reuniões da gerência ou da equipe. Esses itens estão na agenda das reuniões para que a gerência e a equipe possam:

    • Abordar informações gerais de segurança.

    • Analisar os relatórios do comitê de segurança.

    • Dar atenção às sugestões de segurança.

    • Promover a saúde e segurança em geral.

    1.2.2 Supervisores

    Uma das muitas responsabilidades dos supervisores é ajudar a estabelecer um ambiente de trabalho seguro e saudável para cada funcionário. Para isso, os supervisores devem fazer o seguinte:

    • Conduzir uma sessão de orientação para todos os funcionários novos, recontratados ou transferidos. Vários recursos estão disponíveis para esse fim, inclusive o módulo online para recém-contratados “Trabalhar juntos de forma segura — Orientação de segurança (HRD-0001)”. Os grupos podem continuar a usar a Lista de verificação de orientações de segurança (ver capítulo 7) ou usar uma lista de verificação personalizada para orientação se desejado.

    • Conduzir uma sessão de orientação para todos os voluntários e missionários.

    • Fornecer o equipamento de proteção individual necessário e treinar os funcionários sobre como usá-lo e cuidar adequadamente dele.

    • Participar de inspeções de segurança, observações de segurança no trabalho e investigações para identificar e eliminar os riscos do trabalho.

    • Ponderar os relatórios de riscos e as sugestões para melhorar a segurança e implementá-las conforme apropriado.

    • Treinar, conforme adequado, tanto os funcionários novos quanto os experientes sobre meios seguros e eficazes de realizar cada serviço ou tarefa.

    • Certificar-se de que os funcionários relatem imediatamente quaisquer lesões ao supervisor.

    • Analisar todas as tendências que possam ser descobertas em incidentes passados e estabelecer métodos para evitar incidentes. O uso do sistema mundial de relatórios de incidentes (GIR) online em incidents.churchofjesuschrist.org para relatar quase incidentes e lesões pode ajudar a fornecer dados adicionais para análise.

    • Comparecer às reuniões gerais de segurança e às reuniões do comitê de segurança e saúde e participar delas.

    • Investigar e relatar incidentes em tempo hábil.

    • Acompanhar o progresso dos funcionários acidentados e mostrar preocupação por sua recuperação e seu retorno oportuno ao trabalho.

    1.2.3 Gerente ou contato de segurança, saúde e meio ambiente

    Cada organização deve ter um gerente de segurança, saúde e meio ambiente, um representante de segurança adjunto ou contato designado. Essa pessoa deve ajudar a implementar e administrar programas rotineiros de segurança, saúde e meio ambiente. O representante de segurança adjunto também deve estar envolvido em:

    • Treinamento e comunicação com a gerência e os funcionários sobre requisitos de segurança, saúde e meio ambiente.

    • Manutenção de registros que serão usados para fornecer relatórios, gráficos, tendências e outras informações necessárias.

    • Participação nas funções do comitê de segurança.

    • Planejamento para emergências e realização de exercícios que preparem as organizações para se recuperarem de um desastre.

    • Prestação de contas à gerência no tocante a questões de segurança, saúde e meio ambiente.

    • Avaliação de possíveis riscos de segurança e saúde associados a produtos, matérias-primas ou outros bens adquiridos e serviços relacionados antes que eles sejam introduzidos no ambiente de trabalho.

    • Guardar as informações necessárias para os relatórios regulamentares aplicáveis.

    • Manutenção de um quadro de avisos de segurança.

    • Investigar incidentes, com supervisão e apoio de um gerente de segurança, saúde e meio ambiente.

    • Identificação e controle de riscos.

    1.2.4 Funcionários

    Os funcionários devem seguir os procedimentos de segurança e saúde determinados para eles por seus supervisores. Muitos desses procedimentos estão descritos na Lista de verificação de orientações de segurança (ver capítulo 7). Por exemplo, os funcionários devem:

    • Observar as regras gerais de segurança e saúde.

    • Participar de reuniões de treinamento sobre segurança e saúde e do treinamento de segurança.

    • Examinar e reconhecer as diretrizes de segurança de veículos motorizados se estiver operando veículos durante o trabalho.

    • Usar técnicas adequadas para levantar objetos manualmente.

    • Relatar qualquer lesão ou doença relacionada ao trabalho ao seu supervisor e procurar prontamente o tratamento.

    • Comunicar prontamente o comportamento perigoso dos colegas de trabalho ou outras condições perigosas ao supervisor ou ao representante do comitê de segurança e saúde. Os funcionários também podem relatar condições ou práticas de trabalho inseguras usando um Relatório de risco (ver capítulo 7) ou enviando um e-mail para LDSRiskMgt@LDSchurch.org.

    • Manter os corredores, as passagens, as escadas, as portas de saída e as áreas de trabalho livres de obstáculos e perigos que possam causar um incidente.

    • Familiarizar-se com a localização das saídas de emergência e os procedimentos de evacuação.

    • Familiarizar-se com a localização e o uso de equipamentos de emergência, como extintores de incêndio, alarmes de incêndio e conexões do corpo de bombeiros.

    • Só usar equipamentos e ferramentas depois de receber o adequado treinamento quanto ao funcionamento, à manutenção e à segurança.

    • Observar os cartazes e as etiquetas de avisos de segurança.

    • Não ingerir bebidas alcoólicas ou fazer uso de outras drogas que prejudiquem o julgamento ou a capacidade de exercer sua função.

    • Não trabalhar sob a influência de medicamentos, receitados ou não, que prejudiquem o julgamento ou a capacidade de exercer sua função.