Glossário
    Notas de rodapé

    Glossário

    Para assuntos ou definições específicas de termos não relacionados neste glossário, consulte o índice ou as páginas de conteúdo da seção. Os formulários não estão incluídos no glossário. As descrições dos formulários e todas as definições de termos neles utilizados se encontram no capítulo 7 deste manual.

    abuso de substânciasUso de bebidas alcoólicas ou outras drogas, inclusive medicamentos não receitados por um médico, resultando no comprometimento do desempenho de um funcionário.

    armário de armazenamento de líquidos inflamáveisOs armários de armazenamento de líquidos inflamáveis e combustíveis são projetados para proteger o conteúdo interno de um incêndio que esteja ocorrendo fora do armário. A capacidade máxima do armário não deve ser superior a 230 litros.

    arnês de corpoCorreias presas em torno de uma pessoa de maneira a distribuir as forças de detenção de quedas ao menos nas coxas, na pelve, na cintura, no peito e nos ombros. Também usado para se conectar a outros componentes de um sistema pessoal de detenção de queda.

    atmosfera perigosaToda atmosfera perigosa à vida ou à saúde. Uma atmosfera perigosa tem escassez de oxigênio ou contém um contaminante tóxico ou causador de doenças excedendo o limite de exposição permitido legalmente estabelecido (PEL) ou, quando aplicável, o valor limite (TVL) estabelecido pela Conferência Americana de Higienistas Industriais Governamentais (ACGIH).

    cinto de corpoCorreia presa ao redor da cintura e presa a um talabarte, cordão de segurança ou dispositivo de desaceleração.

    conexão do corpo de bombeirosDispositivo que permite que o corpo de bombeiros bombeie mais água para o sistema automático de combate a incêndio por sprinklers, utilizando mangueiras de incêndio para aumentar a pressão e o volume da água. Normalmente, essas conexões estão localizadas na frente do prédio, adjacentes ao acesso pela rua.

    contaminanteQualquer substância estranha nociva ou indesejável que faça com que o ambiente se torne potencialmente impróprio para uso.

    diretor administrativoTítulo do gerente que dirige os assuntos comerciais de um departamento da Igreja.

    distúrbios musculoesqueléticos (DME)Lesões ou dor nas articulações, ligamentos, músculos, nervos, tendões e estruturas que sustentam membros, pescoço e costas. DME são doenças degenerativas e condições inflamatórias que causam dor e prejudicam as atividades normais.

    eixo de tomada de potênciaMecanismo suplementar (como um trator) que permite que a potência do motor opere um aparelho não automotivo.

    elevador aéreoInclui os seguintes tipos de dispositivos aéreos montados em veículos usados para erguer funcionários a locais de trabalho que se encontram acima do solo: plataformas de lança extensíveis, escadas aéreas, plataformas de lança articuladas, torres verticais (elevadores tipo tesoura) ou uma combinação desses dispositivos. O equipamento aéreo pode ser feito de metal, madeira, plástico reforçado com fibra de vidro (FRP) ou outro material; pode ser motorizado ou operado manualmente; e pode ser considerado um elevador aéreo, quer seja ou não capaz de rodar em torno de um eixo substancialmente vertical.

    ergonomiaCiência voltada a projetar e organizar materiais e equipamentos para que pessoas, materiais e equipamentos interajam da maneira mais eficaz e segura; também chamada de engenharia de fator humano.

    escassez de oxigênioQuando o nível de oxigênio é de 19,5 por cento ou menos.

    fator de proteçãoGrau de proteção que um respirador oferece contra determinado risco respiratório. O fator de proteção é geralmente a concentração fora do respirador dividida pela concentração dentro do respirador.

    fator de proteção atribuídoEm média, a proteção mínima prevista fornecida por um respirador ou classe de respiradores que esteja funcionando adequadamente para um funcionário devidamente equipado e treinado.

    ferramentas acionadas por pólvoraFerramentas de fixação de pinos que utilizam cartuchos explosivos para pregar pregos ou outros fixadores em uma superfície dura, como concreto ou metal.

    ferramentas pneumáticasFerramentas movidas a pressão de ar.

    fichas de dados de segurança (FDS)Folhas escritas ou impressas com informações sobre um produto químico perigoso. São distribuídas com os produtos químicos pelos fabricantes e distribuidores de produtos químicos.

    funcionários afetadosIndivíduos que operam ou trabalham com equipamentos ou máquinas, mas não estão autorizados a usar procedimentos de travamento/identificação.

    funcionários autorizadosIndivíduos que aplicam travas ou etiquetas a máquinas ou equipamentos para executar reparos ou manutenção nessas máquinas ou equipamentos.

    gerenteFuncionário da Igreja cuja profissão é dirigir os funcionários designados e supervisionar assuntos comerciais para a Igreja. O gerente pode ter supervisores ou líderes de equipe que prestam contas a ele. Também supervisiona os funcionários autorizados e afetados nos vários programas de segurança.

    imediatamente perigoso à vida ou à saúde (IPVS)Condições, incluindo a atmosfera, que representam um perigo imediato para a vida ou a saúde.

    incidenteQualquer ocorrência não planejada, evento ou sequência de eventos que resulte em:

    1. Lesão ou doença, por menor que seja.

    2. Danos ao equipamento ou à propriedade.

    3. Derramamentos de produtos químicos considerados fora de controle ou que possam ter contaminado o solo ou entrado em um canal ou esgoto público.

    interruptor de circuito por falha de aterramento (GFCI)Disjuntor de ação rápida. O GFCI detecta um desequilíbrio elétrico dentro de milissegundos e abre o circuito antes que ocorra um choque grave.

    lata de segurançaContêiner com peneira ou filtro em cada abertura de enchimento e esvaziamento, com tampa de mola e tampa de bico projetadas para aliviar com segurança a pressão interna quando exposto ao fogo.

    material perigoso (hazmat)Qualquer substância capaz de produzir efeitos adversos na saúde ou segurança das pessoas.

    outros funcionáriosIndivíduos cujas operações de trabalho estão ou podem estar em uma área na qual possam ocorrer procedimentos de controle de energia.

    patógeno de transmissão sanguíneaMicro-organismos encontrados no sangue humano que podem causar doenças em seres humanos. Esses micro-organismos incluem, mas não estão limitados a, vírus da hepatite B (HBV) e vírus da imunodeficiência humana (HIV).

    prestador de serviçosUma pessoa que não é um funcionário da Igreja e que realiza um trabalho específico para a Igreja sob as condições descritas em um contrato.

    profissionais de segurançaIndivíduos que, graças a sua formação, experiência e trabalho, estão preocupados com todos os riscos no local de trabalho, com ênfase na prevenção de lesões traumáticas e fatalidades no local de trabalho. Eles ajudam a implementar, fornecer treinamento e avaliar a implementação de programas de segurança.

    protocoloProcedimento prescrito ou adesão estrita às diretrizes.

    quase incidentesQualquer ocorrência não planejada, acontecimento ou sequência de acontecimentos que (1) cause danos a equipamentos no valor de US$ 500 ou menos, mas não prejudique funcionários ou (2) não cause danos, mas a probabilidade de ferimentos a um funcionário seja grande.

    respiradorDispositivo usado sobre a boca e o nariz para proteger o trato respiratório da pessoa.

    riscoCondição ou alteração do conjunto de circunstâncias que pode causar ferimentos, doenças ou danos à propriedade.

    riscoProbabilidade ou ameaça de perda ou lesão; perigo.

    serviço energizadoQualquer trabalho em equipamentos, circuitos, dispositivos ou sistemas elétricos, ou qualquer outra peça energizada em que um funcionário seja obrigado a colocar deliberadamente ou acidentalmente qualquer parte de seu corpo, uma ferramenta ou outro material em contato com dispositivos elétricos. A voltagem desses dispositivos deve ter sido considerada superior a 50 volts.

    supervisorFuncionário da Igreja que supervisiona o trabalho de um grupo de funcionários. O supervisor também pode supervisionar um projeto específico. Também supervisiona os funcionários autorizados e afetados para a segurança geral dos funcionários.

    trabalho a quenteProcesso de soldagem, corte, chumbamento, retificação ou brasagem com eletricidade ou gases que gera altas temperaturas. O serviço a quente é extremamente perigoso e exige permissão.

    trabalho em circuito vivoProcesso de trabalho em equipamentos elétricos ou linhas de transmissão enquanto energizados.

    unidades para lavagem de olhos e chuveirosEstações de primeiros socorros com canalização de água para enxaguar os olhos e o corpo daqueles que entram em contato com produtos químicos perigosos.

    voluntárioAlguém que doa seus serviços para a Igreja e não recebe um salário pelo trabalho prestado, incluindo os missionários de serviço da Igreja.