4.26 Operação de empilhadeiras
    Notas de rodapé

    4.26 Operação de empilhadeiras

    Estas diretrizes fornecem as informações necessárias para o cumprimento dos padrões da Igreja e das práticas recomendadas sobre a operação de empilhadeiras.

    Aqueles que supervisionam os operadores de empilhadeira devem ajudar a desenvolver programas de treinamento que auxiliem os funcionários a operar com segurança esse equipamento. Devem ser selecionados instrutores experientes e qualificados em todas as operações de empilhadeira para conduzir o treinamento. Os gerentes e supervisores devem estabelecer um sistema de manutenção de registros para documentar que os funcionários foram treinados e avaliados para operar as empilhadeiras. Estas diretrizes ajudarão os instrutores e supervisores a atender aos requisitos de treinamento.

    4.26.1 Requisitos de treinamento

    As práticas recomendadas do setor (e as regulamentações norte-americanas da OSHA) exigem que (1) somente operadores treinados e autorizados tenham permissão para operar as empilhadeiras e que (2) cada empregador defina métodos para treinar os operadores a operar empilhadeiras com segurança. O treinamento pode ser realizado no local das operações, fora do local ou ambos. O treinamento pode ser conduzido por uma organização de treinamento profissional.

    Use os seguintes requisitos mínimos de treinamento para tornar o treinamento consistente:

    • A instrução em sala de aula deve cobrir práticas operacionais seguras de empilhadeiras. Reveja estas diretrizes com aqueles que estão sendo treinados e use recursos de treinamento ou fornecedores para atingir o objetivo do treinamento.

    • Como parte de sua formação, os formandos devem operar e manobrar as empilhadeiras que usarão em seu trabalho. Devem usar paletes ou contêineres vazios para praticar as manobras da empilhadeira em condições operacionais típicas.

    • O instrutor deve verificar se o aluno é capaz de operar uma empilhadeira observando as práticas operacionais.

    • Depois que os alunos concluírem a instrução em sala de aula e o instrutor estiver confiante de que eles podem operar uma empilhadeira com segurança, o instrutor deve designar os alunos como operadores de empilhadeira.

    O instrutor deve preencher o Registro de treinamento de empilhadeira (ver capítulo 7) ou equivalente e colocar uma cópia nos registros de treinamento pessoal do funcionário ou no arquivo eletrônico. Os cartões de certificação, que significam que o treinamento foi concluído, podem ser emitidos pela organização que conduzir o treinamento de empilhadeira.

    Forneça treinamento de atualização em tópicos relevantes para o operador quando:

    • For observado o operador dirigindo o veículo de forma não segura.

    • O operador esteve envolvido em um acidente ou quase acidente.

    • O operador recebeu uma avaliação que revela que ele não está operando a empilhadeira com segurança.

    • O operador é designado para dirigir um tipo diferente de empilhadeira.

    • Houver uma mudança nas condições do local de trabalho que poderia afetar a operação segura da empilhadeira.

    Uma avaliação do desempenho de cada operador de empilhadeira deve ser realizada pelo menos uma vez a cada três anos.

    4.26.2 Requisitos de segurança

    Os operadores de empilhadeira devem seguir estas diretrizes de segurança ao escolher, inspecionar e usar uma empilhadeira:

    • Em áreas designadas perigosas, use somente empilhadeiras projetadas e aprovadas para uso em locais perigosos.

    • Verifique o combustível, o óleo, a água, as buzinas e os freios das empilhadeiras no início de cada turno para se certificar de que sua manutenção tenha sido feita corretamente e que estão em boas condições de funcionamento. Uma lista de verificação de inspeção diária deve ser criada com base no tipo de equipamento da empilhadeira e nas recomendações do fabricante. Conserte os vazamentos hidráulicos ou de combustível antes de usar a máquina.

    • Conserte as empilhadeiras somente em locais autorizados. Desligue os motores antes de abastecer. Limpe imediatamente qualquer respingo de combustível.

    Os operadores de empilhadeira devem observar estas diretrizes de segurança ao dirigir as empilhadeiras:

    • Não faça uso de substâncias ou medicamentos (com ou sem receita) que possam afetar sua capacidade de dirigir.

    • Sempre use os cintos de segurança instalados.

    • Mantenha as pernas dentro da empilhadeira quando estiver em movimento.

    • Não permita caronas na empilhadeira, a menos que esteja equipada com assentos e cintos de segurança para passageiros.

    • Não participe de manobras arriscadas ou brincadeiras com as empilhadeiras.

    • Proteja a segurança de pedestres e trabalhadores em suas áreas de operação. O operador de uma empilhadeira é inteiramente responsável por essa empilhadeira e será responsabilizado por quaisquer danos causados por imprudência ou negligência em relação às precauções de segurança.

    • Use as regras gerais de trânsito em rodovias para operações internas e externas: mantenha-se à direita, pare nas interseções cegas, cruze os trilhos de trem em um ângulo de 45 graus e siga todas as outras regras de trânsito.

    • Sempre dê aos pedestres o direito de passagem.

    • Não opere empilhadeiras a velocidades que excedam 16 km/h em vias fora dos edifícios e 8 km/h dentro de edifícios ou em locais de carga e descarga. As empilhadeiras especiais projetadas para viagens em rodovias podem transitar a velocidades maiores quando não estiverem carregando cargas. As condições da estrada, o clima e as cargas são fatores que devem ser levados em consideração para garantir a condução em velocidade controlada.

    • Dirija lentamente em pistas molhadas e escorregadias e mantenha o controle da empilhadeira em todos os momentos.

    • Sempre olhe na direção em que estiver se movendo. As empilhadeiras podem se mover para trás ou para frente, dependendo da situação. As empilhadeiras devem se mover em marcha à ré ao transportar uma carga ladeira abaixo. Os carrinhos de mão motorizados devem sempre se mover com os garfos rebaixados.

    • Ao fazer curvas ou entrar por uma porta, diminua a velocidade, soe a buzina e prossiga com cautela. Cuidado com estruturas suspensas ou fiação nas estradas e com lâmpadas, canos, ventiladores e portas em prédios e áreas de carga e descarga. Use a buzina apenas como sinal de aviso.

    • Não troque a marcha para frear; isso causará sérios danos à empilhadeira. Antes de mudar de direção, freie corretamente a empilhadeira usando o sistema de freio.

    • Se a empilhadeira começar a tombar para o lado, permaneça na empilhadeira. Segure firme, apoie os pés e se incline na direção oposta.

    • Estacione as empilhadeiras somente em áreas especificadas fora dos corredores. Coloque os garfos no chão, coloque as alavancas de operação em ponto morto, desligue a ignição e puxe o freio de mão. Faça isso quando a empilhadeira for deixada sem supervisão. Não bloqueie uma saída de emergência estacionando em frente a ela.

    Os operadores de empilhadeira devem observar estas diretrizes de segurança ao levantar ou mover uma carga com a empilhadeira:

    • Saber a capacidade da empilhadeira. Esta informação está localizada na placa de identificação do fabricante anexada à empilhadeira. Além disso, esteja ciente do centro de gravidade da carga e da altura máxima do garfo.

    • Se você notar quaisquer dificuldades mecânicas durante a operação da empilhadeira, pare imediatamente a fim de evitar mais danos e relate as falhas mecânicas ao seu supervisor.

    • Não mova cargas não seguras. Se achar que a carga é muito pesada, está inadequadamente empilhada ou incorretamente amarrada, recuse a carga e informe a situação a seu supervisor.

    • Transporte todas as cargas com a coluna inclinada para trás.

    • Se as cargas não tiverem canaletas para fixá-las aos garfos, amarre a carga firmemente aos garfos com faixas, correias, correntes ou outros meios adequados aprovados pelos supervisores.

    • Dependendo da superfície, mova-se com os garfos a aproximadamente 10 centímetros acima do piso ou da estrada. Ao se mover com uma carga, mantenha os garfos perto do chão ou da estrada para evitar que a carga obstrua seu campo de visão e para reduzir o risco de danos ou ferimentos causados por oscilações, solavancos ou quedas.

    • Ao mover uma carga muito alta que lhe impeça a visão, mova-se em marcha à ré para ter um campo de visão claro. Ao mover cargas extralargas ou quando sua visão estiver obstruída, use observadores para ajudá-lo a manobrar.

    • Não deixe cargas desacompanhadas com os garfos elevados.

    • Não empurre ou puxe objetos com os garfos da empilhadeira. Não reboque outros veículos, a menos que a empilhadeira seja aprovada pelos supervisores para esse fim.

    • Não levante ninguém nem deixe ninguém montar nos garfos da empilhadeira.

    • Não permita que ninguém permaneça embaixo de cargas que estão sendo erguidas ou baixadas pela empilhadeira.

    • Não remova os garfos da empilhadeira, exceto para instalar outros anexos autorizados a fim de executar serviços especiais.

    • Não empilhe paletes vazios acima do nível dos olhos.

    • Não use paletes muito quebrados ou extremamente danificados.

    • Use apenas plataformas de segurança aprovadas para elevar pessoas a locais elevados. A plataforma deve ter grades de proteção, rodapés e um painel traseiro para proteger os funcionários de correias, rodas dentadas e outros riscos mecânicos associados ao mastro. A plataforma deve estar firmemente conectada à empilhadeira. A plataforma deve ser de metal e projetada com um fator de segurança de 4:1. Permaneça a uma distância de 6 metros dos controles que não estão na plataforma.

    • Não prenda as lingas ou os suportes de elevação nas proteções suspensas para elevar ou rebocar a empilhadeira.

    • As rampas de descarregamento devem estar devidamente firmes antes de mover a empilhadeira sobre elas.

    • Antes que alguém entre em uma carretinha de transporte de material, as rodas devem ser calçadas, os freios travados e o reboque preso a um trator ou apoiado corretamente por suportes de ponta.