Moisés
    Notas de rodapé

    Moisés

    Profeta do Velho Testamento que tirou os israelitas do cativeiro egípcio e deu-lhes um conjunto de leis religiosas, sociais e alimentares, reveladas por Deus.

    O ministério de Moisés foi além dos limites de sua vida mortal. Joseph Smith ensinou que, juntamente com Elias, o profeta, Moisés apareceu no Monte da Transfiguração e conferiu chaves do sacerdócio a Pedro, Tiago e João (Mt. 17:3–4; Mc. 9:4–9; Lc. 9:30; D&C 63:21).

    Moisés apareceu a Joseph Smith e a Oliver Cowdery em 3 de abril de 1836, no Templo de Kirtland, Ohio (EUA), e conferiu-lhes as chaves da coligação de Israel (D&C 110:11).

    As revelações modernas falam muito de Moisés. Ele é mencionado frequentemente no Livro de Mórmon e em Doutrina e Convênios aprendemos sobre o seu ministério (D&C 84:20–26) e ficamos sabendo que ele recebeu o sacerdócio de seu sogro Jetro (D&C 84:6).

    As revelações modernas também confirmam o relato bíblico de seu ministério entre os filhos de Israel e reafirmam que ele é o autor dos cinco primeiros livros do Velho Testamento (1 Né. 5:11; Mois. 1:40–41).

    Livro de Moisés

    Livro, na Pérola de Grande Valor, que contém a tradução inspirada feita por Joseph Smith dos primeiros sete capítulos de Gênesis.

    O capítulo 1 registra uma visão na qual Moisés viu Deus, o qual lhe revelou todo o plano de salvação. Os capítulos 2–5 são um relato da Criação e da Queda do homem. Os capítulos 6–7 contêm uma visão acerca de Enoque e de seu ministério na Terra. O capítulo 8 relata uma visão sobre Noé e o grande Dilúvio.

    Cinco livros de Moisés

    Os primeiros cinco livros do Velho Testamento são conhecidos como os livros de Moisés. Achavam-se gravados nas placas de latão que Néfi tirou de Labão (1 Né. 5:11).