Reis
    Notas de rodapé
    Theme

    Reis

    Dois livros do Velho Testamento. Eles relatam a história de Israel desde a rebelião de Adonias, o quarto filho do Rei Davi (cerca de 1015 a.C.), até o cativeiro final de Judá (aproximadamente 586 a.C.). Eles incluem toda a história do reino do norte (as dez tribos de Israel), desde a cisão até o tempo em que os assírios os levaram cativos para os países do norte. Ver também a Cronologia no apêndice.

    Primeiro livro dos Reis

    O capítulo 1 descreve os dias finais da vida do Rei Davi. Os capítulos 2–11 registram a vida de Salomão. Os capítulos 12–16 falam de Roboão e Jeroboão, sucessores imediatos de Salomão. Jeroboão provocou a divisão do reino de Israel. Também são mencionados outros reis. Os capítulos 17–21 trazem relatos de partes do ministério de Elias, o profeta, quando admoestou Acabe, rei de Israel. O capítulo 22 relata uma guerra contra a Síria, na qual Acabe e Josafá, rei de Judá, juntaram suas forças. O profeta Mica profetizou contra estes dois reis.

    Segundo livro dos Reis

    Os capítulos 1:1–2:11 continuam a contar a vida de Elias, o profeta, inclusive a sua ascensão ao céu em um carro de fogo. Os capítulos 2–9 tratam do ministério de grande fé e poder de Eliseu. O capítulo 10 fala do rei Jeú e de como ele destruiu a casa de Acabe e os sacerdotes de Baal. Os capítulos 11–13 descrevem o reinado justo de Joás e a morte de Eliseu. Nos capítulos 14–17 faz-se menção a vários reis que reinaram em Israel e em Judá, com frequência em iniquidade. O capítulo 15 relata a conquista das dez tribos de Israel pelos assírios. Nos capítulos 18–20 conta-se a vida digna de Ezequias, rei de Judá, e do profeta Isaías. Os capítulos 21–23 falam dos reis Manassés e Josias. Segundo a tradição, Manassés foi o responsável pelo martírio de Isaías. Josias foi um rei justo que restabeleceu a lei entre os judeus. Os capítulos 24–25 registram o cativeiro na Babilônia.