2018
Este é o lugar
anterior seguinte

Este é o lugar

Simeon Nnah

Aba, Nigéria

This is the Place

Ilustração: Allen Garns

Meu pai, um cristão devoto, ensinou-me a ter fé em Jesus Cristo. Essa fé me ajudou a sobreviver à guerra civil de três anos na Nigéria no final da década de 1960, quando eu estava no exército. Mais tarde, porém, fiquei confuso e parei de frequentar a igreja.

Quando vim para os Estados Unidos, em 1981, para estudar, senti que precisava de Deus em minha vida. Por dois anos, frequentei várias igrejas em Boston, Massachusetts, mas nenhuma delas me interessou. Não sentia o Espírito, por isso parei de procurar.

Pouco tempo depois, em 1984, minha esposa, Mabel, veio da Nigéria para ficar junto de mim, e comecei a ter um ardente desejo de me achegar novamente a Deus e de pertencer a uma igreja. Um amigo que veio da Nigéria me visitar não sabia que eu estava procurando uma igreja, mas me contou sobre uma igreja da qual tinha ouvido falar que tinha um livro chamado o Livro de Mórmon.

Depois disso, continuei procurando igrejas. Encontrei uma chamada A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. A palavra santo me chamou a atenção. Eu não sabia que havia uma igreja cujos membros eram chamados de santos. Naquele domingo, decidi verificar.

Na reunião sacramental da qual participei, a congregação cantou hinos de modo reverente, os sacerdotes abençoaram o pão e a água, e a cerimônia foi dirigida com ordem e humildade. Depois, ao sair para o corredor e refletir sobre a reunião, ouvi meu nome.

“Simeon”, disse a voz do Espírito, “este é o lugar”.

Naquele momento, dois missionários vieram falar comigo. Apresentaram-se e me mostraram o Livro de Mórmon. Olhei para eles e disse: “Não sei nada a respeito do Livro de Mórmon, mas conheço a Bíblia. Estou pronto”.

Eles começaram a me ensinar o plano de salvação. Menos de um mês depois, fui batizado. Minha esposa se filiou à Igreja pouco tempo depois. Alguns anos mais tarde, fomos selados no Templo de Washington D.C. e nossos cinco filhos foram selados a nós.

No templo, muitas coisas me foram reveladas, mas as palavras que ouvi no meu primeiro dia na Igreja foram confirmadas para mim muitas vezes por meio de revelação no templo: “Este é o lugar”. O impacto daquela declaração do Espírito Santo mudou minha vida para sempre e também a vida de minha esposa e de meus filhos.