2017
O Papel da Religião na Sociedade: Cinco Pontos a Ponderar

O Papel da Religião na Sociedade: Cinco Pontos a Ponderar

Veja como a liberdade religiosa afeta o mundo.

Worship

Não é segredo que a liberdade religiosa e o papel da religião no mundo de hoje são assuntos muito debatidos. Ao buscar compreensão, pondere estes pontos citados pelo Élder Dallin H. Oaks, do Quórum dos Doze Apóstolos:

  1. A liberdade religiosa está em risco. Oitenta e quatro por cento da população do mundo se identifica com determinada religião, mas 77% dos habitantes do mundo vivem em países com restrições elevadas ou muito elevadas relacionadas à liberdade religiosa.

  2. A religião faz a civilização avançar. Muitos dos mais importantes avanços morais da civilização ocidental foram motivados por princípios religiosos, e a persuasiva pregação nos púlpitos culminou em sua adoção oficial.

  3. A religião protege a democracia. As sociedades ocidentais não são controladas fundamentalmente pela aplicação das leis, mas pelos cidadãos que voluntariamente obedecem às leis devido a suas normas internas de comportamento correto. Para muitos, é a crença religiosa do certo e do errado e da responsabilidade perante um poder superior que produz tal comportamento voluntário.

  4. A religião preserva a liberdade. Os valores religiosos e as realidades políticas acham-se tão interligados na origem e perpetuação das nações ocidentais que não podemos perder a influência da religião na vida pública sem ameaçar seriamente nossas liberdades.

  5. As religiões se submetem ao governo. Os governos têm o interesse primordial de preservar a segurança de suas fronteiras nacionais e defender a saúde e a segurança de seus cidadãos. Eles obviamente têm o direito de insistir para que todas as organizações, inclusive as religiosas, abstenham-se de ensinar o ódio e refreiem ações que poderiam resultar em violência ou outros atos criminosos direcionados a outras pessoas.