2017
Como Encontrar a Verdadeira Paz em um Mundo Tumultuado

Como Encontrar a Verdadeira Paz em um Mundo Tumultuado

Jesus Christ. Portraits

[video]

A aspiração celestial das pessoas boas de toda parte foi e sempre será a paz no mundo. Jamais devemos desistir de tentar alcançar essa meta. Porém, o Presidente Joseph F. Smith (1838–1918) ensinou: “Nunca jamais esse espírito de paz e amor (…) poderá ser levado ao mundo enquanto a humanidade não receber a verdade de Deus e a mensagem de Deus (…), reconhecendo Seu poder e autoridade, que são divinos” (Ensinamentos dos Presidentes da Igreja: Joseph F. Smith, 1998, p. 400).

Esperamos e oramos sinceramente pela paz universal, mas é como indivíduos e famílias que alcançamos o tipo de paz que é prometida como recompensa da retidão. Essa paz é uma dádiva prometida da missão e do sacrifício expiatório do Salvador.

A paz não é apenas segurança ou ausência de guerra, violência, conflito e contenda. A paz advém de nosso conhecimento de que o Salvador sabe quem somos, que temos fé Nele, que O amamos e que guardamos Seus mandamentos mesmo e sobretudo em meio às devastadoras provações e tragédias da vida (ver D&C 121:7–8). Ele é o “Príncipe da Paz” (Isaías 9:6).

Humilhar-nos perante Deus, orar sempre, arrepender-nos de nossos pecados, entrar nas águas do batismo com um coração quebrantado e um espírito contrito, e tornar-nos verdadeiros discípulos de Jesus Cristo, todas essas coisas são exemplos profundos de retidão que serão recompensados com uma paz duradoura.

O Salvador é a fonte da verdadeira paz. Mesmo com as provações da vida, graças à Expiação do Salvador e Sua graça, o viver reto será recompensado com paz individual (ver João 14:26–27; 16:33).