2017
Minha Jornada para o Rebatismo

Minha Jornada para o Rebatismo

Não percebi o quanto ia sentir falta de meus convênios.

Beautiful Earth

Fui criada na Igreja, batizada e confirmada aos 8 anos de idade. O evangelho tornou-se um modo de viver para mim e para a maioria das pessoas ao meu redor. O Espírito Santo era uma presença muito familiar em minha vida.

Quando fui excomungada, senti a perda de algo quase tangível. Experimentei uma degradação e morosidade nos meus processos mentais, e tornou-se difícil e confuso tomar decisões. Sentia ansiedade e dificuldade em ter paz.

Nunca havia imaginado que a perda da minha condição de membro mudaria minha vida de tal forma. Não podia mais usar os garments ou frequentar o templo. Não podia pagar o dízimo, servir em chamados, participar do sacramento, prestar testemunho ou orar em reuniões da Igreja. Não possuía mais o dom do Espírito Santo. O mais grave é que eu não mantinha mais um relacionamento por meio de convênio com meu Salvador, por meio das ordenanças do batismo e do templo. Fiquei arrasada e temerosa.