Liahona
O que varrer a casa me ensinou sobre a criação dos filhos
Notas de rodapé

Hide Footnotes

Tema

AUXÍLIO PARA OS PAIS

O que varrer a casa me ensinou sobre a criação dos filhos

A autora mora em Utah, EUA.

As tarefas da casa feitas por meus filhos ajudaram a responder à minha oração.

Ilustração: David Green

Certo dia, acordei me sentindo sobrecarregada. Meus deveres como mãe me pareciam pesados e eu conhecia bem as minhas fraquezas. Parecia haver um grande abismo entre como eu imaginava que seria como mãe e como eu realmente era.

Ajoelhei-me para orar e disse ao Pai Celestial como O amava. Disse-lhe o quanto eu amava os filhos com os quais Ele havia abençoado nossa família e comecei a Lhe contar como estava tentando ser uma boa mãe, mas sentia que deixava muito a desejar. Ao orar, pensei no quanto meus filhos seriam pessoas melhores se o próprio Pai Celestial os criasse.

Então visualizei uma imagem. Vi meus filhos varrendo o chão da cozinha. Essa é uma das muitas tarefas que designamos a eles para ajudarem nossa família. Às vezes, fico um tanto aflita ao observá-los fazer isso porque eles ainda estão aprendendo e deixam para trás vários pontos de sujeira. Mas lhes confio essa e outras tarefas porque tenho uma visão maior para eles. Sei que, com toda essa prática imperfeita, eles vão aprender e crescer. No final, vão conseguir varrer a casa com a mesma rapidez e eficiência que eu. Essa visão dos meus filhos tornando-se responsáveis e independentes é muito mais gratificante do que se eu cuidasse de tudo sozinha. Não estou criando filhos para terem êxito a curto prazo, mas tentando ajudá-los a serem bem-sucedidos durante a vida toda.

Fico pensando se talvez algo assim também aconteça com nossos pais celestiais. O Pai Celestial sabe que não chegaremos à perfeição como pais. É bem provável que algumas coisas O deixem aflito, mas Ele não interfere porque sabe que estamos aprendendo e crescendo. Ele tem uma sublime perspectiva de longo prazo. Deus consegue nos ver nos tornando pais como Ele um dia, capazes de amar plenamente, ensinar com eficiência e moldar com perfeição. Quando nos atrapalhamos, Ele sabe que estamos desenvolvendo qualidades como paciência e caridade. Assim, em Sua sabedoria, Ele permite que cometamos falhas e tentemos novamente.

Como eu gostaria de já ser uma mãe perfeita! Como escreveu Joseph Smith, “[caio] frequentemente em muitos erros tolos” (Joseph Smith—História 1:28). Mas encontro consolo em saber que Deus entende meu coração, o que significa que Ele sabe que estou tentando ser ensinável. Fico feliz quando meus filhos perguntam: “Como se faz isso direito?” e parecem demonstrar o desejo de melhorar. Pelo menos, posso ser assim para o Pai Celestial.

Enquanto todos esses pensamentos me passavam pela cabeça, tive mais um momento de desânimo. “Mas e se os erros que cometo como mãe prejudicarem meus filhos?”, perguntei. “Não quero atrapalhar o progresso deles mesmo que eu me torne algo maravilhoso no processo.”

Mais uma vez, a imagem dos meus filhos limpando a casa me veio à mente. Depois de a minha filha tentar passar o pano molhado no chão da melhor forma possível e correr para brincar ou terminar outra tarefa, geralmente reforço a limpeza em alguns pontos. Então, penso na infinita misericórdia e poder de Jesus Cristo, cuja Expiação cobre todas as imperfeições da vida das pessoas. Sua graça compensa meus erros como mãe, da mesma forma que compensa a dor que meus filhos sentem por causa de minhas fraquezas. De um modo que nenhum de nós consegue compreender, Sua Expiação pode curar tudo.

Sinto um grande consolo na revelação pessoal que recebi naquele dia. Senti o Espírito me ensinar que meus melhores esforços, em parceria com o Senhor, são suficientes. Sei que o Pai Celestial vai continuar a agir na vida de meus filhos, pouco a pouco, para fazer com perfeição o que faço com imperfeição. Com Sua ajuda, meus filhos vão poder ser independentes um dia e ter brilho próprio, com tanto sucesso como se tivessem sido criados pelo próprio Pai Celestial. Ao mesmo tempo, Seu plano também me transforma, santifica e molda para que eu me torne mais semelhante a Ele. Como é grande a sabedoria de nosso Deus!