Quem recebe revelações para a Igreja?
anterior próximo

Vem, e Segue-Me

Quem recebe revelações para a Igreja?

Doutrina e Convênios 27–28

15 a 21 de março

Em agosto de 1830, Hiram Page, uma das oito testemunhas do Livro de Mórmon, afirmou ter recebido duas revelações sobre a futura localização e organização de Sião, usando uma pedra de vidente preta. Essas revelações contradiziam outras concedidas anteriormente a Joseph Smith, mas muitos membros acreditaram nele.

Revelação para a Igreja

Quando Joseph orou sobre as revelações de Hiram, o Senhor ensinou: “Ninguém será designado para receber mandamentos e revelações nesta igreja, a não ser meu servo [o profeta]” (Doutrina e Convênios 28:2). Ele declarou que “as coisas que [Hiram] escreveu por meio daquela pedra não procedem de mim; e (…) Satanás o iludiu” (Doutrina e Convênios 28:11).

Hiram por fim abandonou suas revelações, e todos os membros confirmaram com unanimidade que o profeta era o único revelador para a Igreja de Cristo.

Por que é importante saber que somente o profeta vivo pode receber revelação para toda a Igreja? Como isso nos protege de falsidades?

Olhar para os profetas e apóstolos

O presidente M. Russell Ballard, presidente em exercício do Quórum dos Doze Apóstolos, acautela-nos:

“Mantenham os olhos fixos na Primeira Presidência e no Quórum dos Doze Apóstolos. Nós não os desviaremos. Não podemos fazê-lo.

(…) Se alguém lhes disser que recebeu uma revelação que a Primeira Presidência e os Doze não receberam, fujam dessa pessoa”.1

Nota

  1. M. Russell Ballard, “When Shall These Things Be?”, Ensign, dezembro de 1996, p. 57.