Princípios e Promessas
    Notas de rodapé

    Princípios e Promessas

    Que cuidemos de nosso corpo e de nossa mente, guardando os princípios estabelecidos na Palavra de Sabedoria, um plano divinamente providenciado.

    Esta noite, irmãos, rogo para ter a orientação de nosso Pai Celestial ao compartilhar minha mensagem com vocês.

    Em 1833, o Senhor revelou ao Profeta Joseph Smith um plano para termos uma vida saudável. Conhecemos essa revelação como Palavra de Sabedoria, que está na seção 89 de Doutrina e Convênios. Somos instruídos especificamente sobre o que devemos comer e sobre o uso de substâncias proibidas que são prejudiciais ao nosso corpo.

    Aqueles que são obedientes aos mandamentos do Senhor e que fielmente observam a Palavra de Sabedoria têm bênçãos prometidas e específicas, que incluem boa saúde e vigor físico.1

    Recentemente, li o relato de uma história dramática sobre essas promessas. John A. Larsen, um fiel membro da Igreja, serviu durante a Segunda Guerra Mundial, na Guarda Costeira dos Estados Unidos, no navio USS Cambria. Durante uma batalha nas Filipinas, chegou a notícia de que um esquadrão de bombardeiros e de aviões kamikaze de combate se aproximavam. Ordens de evacuação imediata foram dadas. Por causa da total destruição do navio USS Cambria, John e três companheiros reuniram seus equipamentos e correram para a praia, na esperança de partir em outro navio. Felizmente, um navio rebocador os levou até o último navio que partiria da baía. Os homens do navio de partida, em um esforço para sair o mais rapidamente possível, estavam ocupados no convés e tiveram tempo apenas para jogar cordas para os quatro homens a fim de subirem para o convés.

    John tinha um rádio muito pesado amarrado em suas costas e, de repente, estava balançando na ponta de uma corda de 12 metros, na lateral de um navio que partiria para o mar aberto. Ele começou a escalar a corda lentamente, ciente de que, se escorregasse, certamente morreria. Depois de subir apenas um terço do percurso, ele sentiu seus braços queimarem de tanta dor. Ele estava tão fraco que sentia não ser mais capaz de agarrar-se à corda.

    Com suas forças esgotadas e arrebatado pelo sombrio destino, John silenciosamente clamou a Deus, dizendo-Lhe que sempre guardara a Palavra de Sabedoria e vivera em retidão e que, naquele momento, precisava desesperadamente das bênçãos prometidas.

    John disse mais tarde que, ao terminar sua oração, sentiu-se revigorado. Ele começou a escalar a corda novamente e parecia voar. Quando chegou ao convés, sua respiração era normal — e sem qualquer dificuldade. As bênçãos de saúde e vigor prometidas na Palavra de Sabedoria foram-lhe concedidas. Então, ele deu graças a seu Pai Celestial pela resposta desesperada à oração de socorro e aquele seria um lembrete para o resto de sua vida.2

    Irmãos, que cuidemos de nosso corpo e de nossa mente, guardando os princípios estabelecidos na Palavra de Sabedoria, um plano divinamente providenciado. Com todo o meu coração e minha alma, testifico das gloriosas bênçãos que nos aguardam. Que seja assim, oro em nome de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. Amém.