2010–2019
O Profeta Joseph Smith
anterior próximo

O Profeta Joseph Smith

Élder Lawrence E. Corbridge

As revelações derramadas sobre Joseph Smith afirmam que ele foi um profeta de Deus.

A Primeira Visão

Um rapaz leu a Bíblia, e seus olhos pararam em uma passagem singular das escrituras. Aquele foi um momento que iria mudar o mundo.

Ele estava ansioso para saber qual igreja poderia levá-lo à verdade e à salvação. Ele havia tentado quase tudo; então, recorreu à Bíblia e leu estas palavras: “E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada”.1

Refletiu sobre elas muitas e muitas vezes. A primeira centelha de luz penetrava a escuridão. Seria aquela a resposta, seria aquele o meio de sair da confusão e das trevas? Poderia ser assim tão simples? Peça a Deus, e Ele responderá? Por fim, ele decidiu que teria de perguntar a Deus ou permanecer nas trevas e na confusão.

E por mais ansioso que estivesse, não correu para um canto sereno e balbuciou uma oração apressada. Tinha apenas 14 anos, mas, em sua pressa de saber, não se apressou. Não era para ser apenas uma oração qualquer. Decidiu para onde ir e quando fazer a tentativa. Ele se preparou para conversar com Deus.

Então, o dia chegou. Era “a manhã de um belo e claro dia, no início da primavera [de 1820]”.2 Ele caminhou sozinho no silêncio do bosque próximo, sob as árvores que se erguiam majestosas a seu redor. Chegou ao lugar que havia previamente decidido. Ajoelhou-se e ofereceu o desejo de seu coração.

Descrevendo o que aconteceu em seguida, ele disse:

“Vi um pilar de luz acima de minha cabeça, mais brilhante que o sol, que descia gradualmente sobre mim. (…)

Quando a luz pousou sobre mim, vi dois Personagens cujo esplendor e glória desafiam qualquer descrição, pairando no ar, acima de mim. Um deles falou-me, chamando-me pelo nome, e disse, apontando para o outro — [Joseph,] Este é Meu Filho Amado. Ouve-O!3

Após apenas 24 anos, Joseph Smith e seu irmão Hyrum morreriam por causa do que aconteceu ali.

Oposição

Joseph declarou que, quando tinha 17 anos, um anjo lhe disse que “[seu nome] seria considerado bom e mau entre todas as nações, (…) entre todos os povos”.4 Essa assombrosa profecia continua a ser cumprida ainda hoje, quando A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias está espalhada por todo o mundo.

A oposição, as críticas e o antagonismo sempre acompanham a verdade. Sempre que a verdade no tocante ao propósito e destino do homem é revelada, há sempre uma força que se opõe a ela. Começando por Adão e Eva no Jardim do Éden, até o ministério de Cristo e prosseguindo até nossos dias, sempre houve e sempre haverá o empenho de enganar, de desviar, de opor-se e de frustrar o plano da vida.

Se olharmos quem sofreu a mais dura e penosa perseguição, Aquele que foi mais combatido, questionado, rejeitado, açoitado, abandonado e crucificado, Aquele que desceu abaixo de todas as coisas, aí encontraremos a verdade, o Filho de Deus, o Salvador de toda a humanidade. Por que eles não O deixaram em paz?

Por quê? Porque Ele é a verdade, e a verdade sempre sofre oposição.

Então procurem quem trouxe outro testamento de Jesus Cristo e outra escritura, procurem quem foi o instrumento pelo qual a plenitude do evangelho e a Igreja de Jesus Cristo foram restauradas na Terra, procurem essa pessoa e com certeza encontrarão grande oposição. Por que não o deixam em paz?

Por quê? Porque ele ensinou a verdade, e a verdade sempre sofre oposição.

Torrente de Revelações

As revelações derramadas sobre Joseph Smith afirmam que ele foi um profeta de Deus. Vejamos apenas algumas delas; vejam uma parte da luz e da verdade que foram reveladas por intermédio dele e que brilham em nítido contraste com as crenças comuns de sua época e da nossa.

  • Deus é um Ser pessoal e exaltado, um Pai Eterno. Ele é nosso Pai.

  • Deus, o Pai, Jesus Cristo e o Espírito Santo são seres separados.5

  • Somos mais do que apenas humanos. Somos filhos de Deus, o Pai Eterno, e podemos nos tornar semelhantes a Ele6 se tivermos fé em Seu Filho, nos arrependermos, recebermos as ordenanças, recebermos o Espírito Santo e perseverarmos até o fim.7

  • A Igreja de Jesus Cristo é hoje fundamentalmente a mesma Igreja que Ele organizou durante Seu ministério mortal, com profetas e apóstolos, com o Sacerdócio de Melquisedeque e o Sacerdócio Levítico, com anciãos (élderes), sumos sacerdotes, diáconos, mestres, bispos e setentas, conforme descrito na Bíblia.

  • A autoridade do sacerdócio foi retirada da Terra após a morte do Salvador e de Seus apóstolos, sendo novamente restaurada em nossos dias.

  • A revelação não cessou, e os céus não estão fechados. Deus fala a profetas hoje em dia e falará com vocês e comigo também.8

  • Há mais após esta vida do que apenas céu e inferno. Há graus de glória, e tudo o que fazemos nesta vida tem grande importância.9

  • Mais do que ter uma mera crença passiva em Cristo, devemos “[buscá-Lo] em cada pensamento”,10 “[fazer] tudo o que [fazemos] em nome do Filho”,11 “recordá-lo sempre e guardar os mandamentos que ele [nos] deu, para que [possamos] ter sempre [conosco] o seu Espírito”.12

  • Os bilhões que viveram e morreram sem o evangelho e as ordenanças necessárias para a salvação não estão perdidos. “Graças à Expiação de Cristo, toda a humanidade pode ser salva por obediência às leis e ordenanças do Evangelho”,13 administradas tanto para os vivos quanto para os mortos.14

  • Não foi no nascimento que tudo começou. Vocês viveram antes na presença de Deus, como Seus filhos, e se prepararam para esta vida mortal.15

  • O casamento e a família não são convenções dos homens que duram somente até que a morte os separe. Eles podem se tornar eternos por meio dos convênios que fazemos com Deus. A família é o padrão do céu.16

E essa é apenas uma parte da torrente de revelações derramadas sobre Joseph Smith. De onde vieram todas essas revelações que trouxeram luz às trevas, clareza à dúvida, e que inspiraram e abençoaram milhões de pessoas e melhoraram a vida delas? O que seria mais provável: que ele tenha sonhado tudo isso sozinho ou que ele tenha recebido ajuda do céu? Será que as escrituras que ele produziu soam como palavras do homem ou palavras de Deus?

Conclusão

Não há dúvidas quanto ao que Joseph Smith realizou, apenas em relação a como ele fez o que fez e por que motivo. E não há muitas opções. Ou ele foi um farsante ou foi profeta. Ou ele fez isso sozinho ou teve ajuda do céu. Veja as evidências, mas veja todas elas, o mosaico completo de sua vida, e não uma única peça. E o mais importante, faça como Joseph fez e “peça (…) a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada”.17 Essa não é apenas a maneira pela qual vocês podem saber a verdade referente ao Livro de Mórmon e a Joseph Smith, também é o padrão para que conheçam a verdade de todas as coisas.18

Joseph Smith foi um profeta de Deus, tal como Thomas S. Monson é hoje. Por meio de Joseph Smith, as chaves do reino de Deus estão [novamente] “confiadas ao homem na Terra e (…) o evangelho [rolará] (…), como a pedra cortada da montanha, sem mãos, (…) até encher toda a Terra”.19

Deus é nosso Pai Eterno, e Jesus é o Cristo. Nós Os adoramos. Nada se compara à criação Deles, ao plano de salvação e ao Sacrifício Expiatório do Cordeiro de Deus. Nesta dispensação, cumprimos o Plano do Pai e partilhamos os frutos da Expiação somente pela obediência às leis e ordenanças do evangelho restaurado por intermédio do Profeta Joseph Smith. Presto testemunho Deles: Deus, o Pai Eterno, Jesus Cristo, o Salvador do mundo. Digo isso no nome de Jesus Cristo. Amém.