Sentir o Amor do Senhor por meio da Obediência
anterior próximo

Mensagem Das Professoras Visitantes

Sentir o Amor do Senhor por meio da Obediência

Em espírito de oração leia a mensagem a seguir e escolha as escrituras e ensinamentos que melhor atendam às necessidades das irmãs que você visita. Compartilhe suas experiências e testemunho. Convide a irmã que você estiver ensinando a fazer o mesmo.

Presidente Gordon B. Hinckley: “Por que somos um povo tão feliz? É por causa de nossa fé, da doce certeza que temos no coração de que nosso Pai Celestial, que está à frente de tudo, velará por Seus filhos e filhas que andarem com amor e gratidão diante Dele e forem obedientes. Sempre seremos um povo feliz se conduzirmos nossa vida dessa forma”. (“O que as Pessoas Estão Perguntando a Nosso Respeito?” A Liahona, janeiro de 1999, p. 85)

Como Você Pode Encontrar Forças para Ser Obediente?

Presidente Spencer W. Kimball (1895–1985): “Às vezes, quando nos sentimos inclinados a pensar que é inútil servir o Senhor, precisamos avivar a fé, crer nas ricas promessas de Deus e obedecer — e esperar pacientemente. O Senhor cumprirá todas as ricas promessas que nos fez. (…) Recompensas generosas são oferecidas aos fiéis. Receberão bênçãos acima do próprio entendimento. (…) Por maiores que sejam as bênçãos que na mortalidade acompanham os justos, tornam-se como um grão de areia em comparação com as que os aguardam no mundo futuro”. ( O Milagre do Perdão, 1969, pp. 305–306)

Élder Henry B. Eyring do Quórum dos Doze Apóstolos: “Você precisará de ajuda do céu para guardar os mandamentos. Precisará dela cada vez mais com o passar dos dias. (…) Mas pode invocar o poder protetor do céu sobre você simplesmente decidindo seguir na direção do Salvador e esperar pacientemente Nele”. ( To Draw Closer to God, 1997, p. 98)

Como a Obediência Abençoou Sua Vida?

Mosias 2:41: “(…) Quisera que considerásseis o estado abençoado e feliz daqueles que guardam os mandamentos de Deus. (…) Pois eis que são abençoados em todas as coisas, tanto materiais como espirituais; e se eles se conservarem fiéis até o fim, serão recebidos no céu, para que assim possam habitar com Deus em um estado de felicidade sem fim”.

Élder Neal A. Maxwell do Quórum dos Doze Apóstolos: “Podemos (…) saber, por meio da obediência, o quanto Deus nos ama como Seus filhos imortais. Isso acontece exatamente como o Presidente Brigham Young disse que aconteceria: ‘Como podemos saber que obedecemos [a Deus]? Só existe um método pelo qual podemos ter essa certeza, que é por intermédio da inspiração do Espírito do Senhor testificando a nosso espírito que Lhe pertencemos, que O amamos e que Ele nos ama. É somente por meio do espírito de revelação que podemos saber essas coisas’. ( Deseret News Semi-Weekly, 26 de novembro de 1867, s.p.) Se conseguirmos pessoalmente receber esse testemunho (…) então conseguiremos perseverar e suportar bem tudo que viermos a enfrentar”. (“The Pathway of Discipleship”, Ensign, setembro de 1998, p. 7)

Susan W. Tanner, presidente geral das Moças: “Renovamos todas as semanas nossos convênios batismais de ‘tomar Seu nome sobre nós’, ‘sempre lembrar-nos Dele’ e ‘guardar Seus mandamentos’. (Ver D&C 20:77.) Somos firmes em Cristo quando fazemos essas coisas, então nosso espírito se eleva e nosso coração se enche de amor. (…) Os convênios ampliam nosso coração e permitem que sintamos ‘o amor a Deus e a todos os homens’.” (2 Néfi 31:20) (“Firmes em Nossos Convênios”, A Liahona, maio de 2003, pp. 101–102)

João 15:10: “Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor”.