Conferência Geral
    Bênção de Encerramento
    Notas de rodapé
    Theme

    Bênção de Encerramento

    Deus, nosso Pai Eterno, vive. (…) Jesus é o Cristo, o Redentor da humanidade. Eles restauraram Sua obra nesta última e decisiva dispensação por meio do Profeta Joseph.

    Irmãos e irmãs, chegamos agora ao final desta notável conferência. Foi literalmente um banquete inspirador à mesa do Senhor. As músicas, as orações e os discursos foram maravilhosos. Fomos informados e edificados; nossa fé foi fortalecida.

    O crescimento da Igreja ficou evidente, pelo fato de que nossas palavras foram traduzidas para 80 idiomas e nossa mensagem foi transmitida por satélite para todo o mundo e foi ouvida em muitas terras. É tudo parte do maravilhoso cumprimento das palavras proferidas por Morôni ao menino profeta, na noite de 21 de setembro de 1823.

    Ele era na época um rapaz, um jovem lavrador pobre e com bem pouca cultura. Na realidade não possuía nada. Seus pais não possuíam nada. Ele morava em uma comunidade rural, pouco conhecida fora de seus limites. E ainda assim, o anjo lhe disse que “era um mensageiro enviado (…) da presença de Deus (…); que Deus tinha uma obra a ser executada por [Joseph] e que [seu] nome seria considerado bom e mau entre todas as nações, tribos e línguas, ou que entre todos os povos se falaria bem e mal de [seu] nome” (Joseph Smith — História 1:33).

    “Como isso será possível?” Joseph deve ter imaginado. Ele deve ter ficado completamente assombrado.

    E ainda assim, a profecia se cumpriu. E outras ainda muito maiores se cumprirão.

    No próximo dia 23 de dezembro deste ano de 2005, tencionamos honrar seu aniversário com uma grande comemoração em tributo a ele.

    Planejo, se possível, ir até o local de seu nascimento para repetir o que Joseph F. Smith, o sexto Presidente da Igreja, fez em 23 de dezembro de 1905, há um século. Naquela ocasião, ele dedicou o monumento que marca o lugar do nascimento do Profeta. Uma cabana em sua homenagem foi também construída.

    Quando eu estiver em Vermont, os Presidentes Monson e Faust, com outras Autoridades Gerais estarão aqui no Centro de Conferências. Este grande centro estará lotado e o programa será transmitido a muitos locais via satélite. Haverá música adequada e tributos serão prestados tanto em South Royalton, [Vermont] quanto em Salt Lake City, em homenagem ao grande profeta desta dispensação.

    O que o coro cantou esta manhã em tributo ao Profeta foi apenas um ensaio geral para o que ocorrerá em dezembro. Aguardamos por esse evento ansiosamente e esperamos que todos vocês estejam conosco na ocasião.

    Deixamos com vocês nosso testemunho da divindade desta obra. Que obra maravilhosa é esta! Como a nossa vida seria vazia sem ela! Deus, nosso Pai Eterno, vive. Ele nos ama e cuida de nós. Jesus é o Cristo, o Redentor da humanidade. Eles restauraram Sua obra nesta última e deci-siva dispensação por meio do Profeta Joseph. Assim solenemente o testifico e deixo meu amor e bênção com todos vocês, meus irmãos e irmãs desta grata Igreja. Que Deus abençoe a cada um.

    Para terminar, desejo agradecer àqueles que tanto fizeram para que esta conferência acontecesse; muitos que trabalham nos bastidores para que tudo seja possível. Essas pessoas trabalham dia e noite para obtermos tais resultados — os recepcionistas, técnicos, a segurança, os socorristas, os policiais de trânsito, os tradutores e secretárias que trabalham com os nossos discursos e os digitam várias vezes.

    Deus abençoe a todos, rogo humildemente. Oro para que andemos em retidão diante Dele. É o que peço humildemente e deixo minha bênção com todos no sagrado nome de nosso Redentor, mesmo o Senhor Jesus Cristo. Amém.