Seis passos para conseguir um emprego
    Notas de rodapé

    As bênçãos da autossuficiência

    Seis passos para conseguir um emprego

    Atualmente o autor mora em Utah, EUA.

    Não podemos ser materialmente autossuficientes se precisarmos de um emprego e não tivermos. Aqui estão seis passos para obter um emprego.

    man looking up at ladders

    Ilustrações: Iker Ayerstaran

    Com várias opções de trabalho à sua frente, quais são os próximos passos a seguir para conseguir o emprego certo para você?

    Você precisa de um emprego ou de um emprego melhor? Conhece alguém que precisa? O desafio hoje para muitas pessoas que precisam urgentemente de um emprego ou de um emprego melhor é que muitas vezes não sabem ao certo como conseguir o emprego desejado. Elas perguntam: “Devo fazer um currículo, colocar minhas informações na internet ou os dois?”, e “Como faço isso?” “Qual é a maneira certa de responder a perguntas como: ‘Quais são suas fraquezas?’ e ‘Por que devo contratá-lo para este trabalho?’”

    Este artigo traz um plano comprovado de seis passos do que você deve saber e depois fazer para obter o trabalho desejado. Esses seis passos se baseiam em parte nos resultados de uma pesquisa que conduzi sobre as práticas de contratação de 760 empregadores que estavam recrutando na Universidade Brigham Young. Eles também foram desenvolvidos a partir de informações que recebi de especialistas de recrutamento e de mais de 30 anos de treinamento em contratação e recrutamento que dei a milhares de pessoas em mais de 20 países. Por fim, minha esposa e eu recentemente servimos como missionários seniores designados a implementar os Serviços de Autossuficiência em toda a Europa. Nossas experiências reforçaram para nós que os candidatos a emprego precisam dessa ajuda específica. Seja qual for o local onde você more no mundo, suas habilidades profissionais ou o cargo que você deseja conquistar, esses seis passos podem ajudá-lo.

    Esse processo de conseguir o emprego desejado pode levar alguns dias, semanas ou até meses. Mas a boa notícia é que esse processo funciona. Esses seis passos podem ajudar os candidatos em todos os níveis que se encaixam em uma destas três categorias: (1) aqueles que procuram seu primeiro emprego, (2) aqueles que querem mudar de função ou serem promovidos dentro de sua empresa atual e (3) aqueles que querem mudar para um cargo em outra organização.

    Passo 1. Identifique o trabalho específico que você deseja agora.

    Você deve identificar um trabalho específico que possa realizar agora mesmo, que se adapte às suas próprias habilidades relacionadas ao trabalho, à experiência, às realizações ou à formação. Depois de decidir, anote o título do trabalho. Se precisar de ajuda, vários sites listam muitos títulos e descrições de cargos diferentes. Para o passo 1, você não precisa encontrar uma vaga de emprego; basta identificar o tipo de trabalho para o qual você está qualificado e no qual está interessado.

    Dois dos maiores erros que os candidatos a emprego cometem são não decidir sobre um emprego específico que realmente desejam ou escolher um cargo para o qual não estão qualificados. Se você não tem certeza de qual emprego específico procurar e exercer, pode acabar não conseguindo nenhum emprego. Dizer algo como: “Eu só preciso de um emprego, qualquer emprego” não ajuda. Dizer isso não impressiona os possíveis empregadores e prejudica seus próprios esforços em buscar um emprego. Portanto, escolha um emprego específico que você possa fazer agora e, então, concentre-se em conseguir esse emprego.

    Passo 2. Encontre a descrição do cargo para o emprego que você deseja.

    A pesquisa que realizei com os 760 empregadores que recrutaram na Universidade Brigham Young e meus anos de experiência profissional em muitos países mostraram que recrutadores e gerentes de contratação quase sempre só levam em consideração para um trabalho específico os candidatos que tenham as habilidades, a experiência e as realizações corretas relacionadas ao trabalho ou a formação para o emprego. Isso ocorre ainda mais quando se trata de cargos de nível médio e superior. À medida que avaliam cuidadosamente os candidatos, esses recrutadores usam um esboço ou uma lista chamada descrição do cargo para se lembrarem dos requisitos mais importantes de cada vaga de trabalho. A pessoa que contrata compara todos os candidatos com a descrição específica para aquele cargo.

    Você deve encontrar a descrição do cargo para o emprego que deseja. Isso o ajudará a decidir se você realmente é um bom candidato para esse emprego. Também o ajudará a decidir o que falar e não falar sobre si mesmo em seu currículo, em cartas de apresentação e em entrevistas com os empregadores. Os empregadores costumam fazer uma descrição do cargo para cada vaga de emprego em seu site, em anúncios de jornal e em sites de busca de emprego. Os funcionários atuais que conhecem o trabalho também podem lhe informar sobre a descrição e os requisitos da vaga de emprego.

    Sua tarefa no passo 2 é encontrar os requisitos específicos listados na descrição do cargo para o emprego desejado. Em seguida, você usará essas informações importantes nos passos 3 a 6.

    Passo 3. Identifique habilidades, experiências, resultados de trabalho e formação que o qualificam para o emprego que você selecionou.

    Aqui é onde você identifica suas próprias habilidades pessoais e realizações relacionadas ao emprego que mostram que seu histórico realmente corresponde aos requisitos essenciais do emprego que você deseja agora, conforme indicado na descrição do cargo que você encontrou no passo 2.

    Ao fazer essa lista de suas habilidades e realizações relacionadas ao emprego, você poderá comparar seu histórico de trabalho com as principais qualificações apresentadas na descrição do cargo que você encontrou no passo 2. Se sua lista mostrar que suas habilidades correspondem às necessidades do cargo selecionado no passo 1, avance agora para os passos 4 a 6. Se, no entanto, suas habilidades e realizações listadas no passo 3 não se encaixarem muito bem na descrição do cargo que você encontrou no passo 2, você deve considerar seriamente a possibilidade de escolher outro emprego para procurar neste momento, um que se aproxime mais de suas habilidades atuais.

    Passo 4. Escreva um currículo personalizado de uma ou duas páginas.

    people writing resumes

    Um dos principais objetivos do seu currículo, também chamado de curriculum vitae, é conseguir uma entrevista com o recrutador ou contratante que está tentando preencher uma vaga. Seu currículo faz isso mostrando rapidamente ao contratante que suas habilidades, sua experiência, suas realizações ou sua formação relacionadas ao cargo se encaixam no que a descrição do cargo do empregador diz serem as características mais importantes de um candidato ideal para esse emprego.

    O currículo que você escreve para cada vaga de emprego de empresa diferente deve ser personalizado. Você não precisa alterar os mesmos dados principais que incluirá em todos os seus currículos, como seu histórico profissional, sua informação escolar e suas informações atuais para contato. Esses detalhes são os mesmos em todos os seus currículos. Mas, se você se candidatar a um emprego com mais de um empregador, cada empregador terá uma descrição do cargo um pouco ou muito diferente para o emprego dele. Portanto, você deve selecionar quais de suas habilidades e realizações são relevantes para cada perfil de cargo. Coloque-as no seu currículo como declarações concisas que comecem com um verbo descritivo, como “pesquisar”, “desenvolver”, “produzir”, “gerenciar” e assim por diante.

    Por exemplo, se você tiver experiência de trabalho em vendas e marketing e estiver se candidatando a dois empregos diferentes — um com foco em vendas e outro em marketing —, você deve elaborar dois currículos, um citando mais de suas atividades e realizações em vendas e o outro mencionando sobretudo suas realizações e atividades em marketing. (Se você ainda não tiver muita experiência de trabalho, acesse LDS.org/go/71939 para saber como usar a experiência de seu serviço na Igreja em seu currículo.)

    Passo 5. Encontre os empregadores que estejam contratando pessoas para o emprego que você deseja.

    Há sempre vagas de emprego a serem preenchidas, mesmo em tempos muito difíceis. Os funcionários se aposentam, mudam de emprego, são promovidos, rebaixados ou se mudam. E há sempre algumas empresas crescendo e precisando de mais trabalhadores. Todas essas situações levam à disponibilidade de vagas que precisam ser preenchidas por candidatos qualificados. Às vezes isso acontece em pequena quantidade e, às vezes, há um grande número de vagas a serem preenchidas. Então não desanime se você ainda não encontrou um emprego. Continue procurando o emprego que dê certo para você.

    Procure sites de empregadores, sites de carreira, anúncios em jornais e outras fontes para o emprego que você deseja. Além disso, uma das melhores maneiras de encontrar vagas de emprego é por meio de redes de contato — entrando em contado com muitas pessoas todos os dias, como vizinhos e membros da ala, falando a eles sobre o trabalho específico que você está procurando e perguntando-lhes se sabem de alguma vaga ou se conhecem alguém que saiba. Certifique-se de fornecer suas informações de contato a todas essas pessoas com quem você conversa todos os dias.

    Passo 6. Aprenda a fazer uma boa entrevista antes de enviar seus currículos aos empregadores.

    woman at an interview

    Antes de começar a enviar seus currículos detalhados aos prováveis empregadores, você deve primeiro aprender a fazer uma boa entrevista. Muitas pessoas começam a enviar currículos o mais rápido possível, antes de estarem bem preparadas para a entrevista. O problema é que alguns desses candidatos a emprego podem ser convidados imediatamente para uma entrevista. Eles ficam entusiasmados, vão à entrevista antes de se prepararem bem, não fazem uma boa entrevista e, portanto, não conseguem o emprego. Depois que isso acontece, você não pode voltar para a empresa ou para o entrevistador e pedir outra entrevista, dizendo que agora aprendeu como responder às perguntas corretamente.

    A maneira como você responde a todas as perguntas da entrevista é fundamental para seu sucesso em conseguir o emprego desejado. Embora deva sempre ser totalmente honesto, ainda existem maneiras certas e erradas de responder a cada pergunta em uma entrevista. Serão feitas perguntas como estas:

    • Quais são seus pontos fortes e fracos?

    • Que problema você teve em um emprego anterior com o qual lidaria agora de maneira diferente?

    • Quais são suas pretensões salariais?

    • O que você gostaria de estar fazendo daqui a cinco anos?

    Como candidato, a resposta que você vai dar a todas as perguntas que serão feitas deve ser prevista e planejada com antecedência. Até mesmo uma única resposta ruim pode lhe custar o emprego. Concentre suas respostas em exemplos breves, de um a dois minutos, que mostram que seu histórico, suas habilidades e realizações se encaixam na descrição do cargo deles. Pesquise a organização antes da primeira entrevista a fim de adaptar suas respostas às necessidades deles.

    No final da maioria das entrevistas, você terá a oportunidade de fazer algumas perguntas ao empregador. Sua melhor pergunta a fazer é sobre a vaga de emprego. “O que precisa ser realizado ou alterado neste trabalho?” Isso o ajudará em entrevistas futuras se for convidado a voltar. Em geral, você pode guardar suas perguntas sobre os objetivos, a cultura de trabalho, o salário (a menos que lhe perguntem sobre isso), o horário de trabalho e os benefícios da empresa para futuras entrevistas.

    Agora você tem seis passos para conseguir o emprego desejado. Você não pode ser materialmente autossuficiente se precisar de um emprego e não tiver. Se você necessitar de emprego, um emprego melhor ou conhecer alguém que precise, use ou divulgue essas ferramentas comprovadamente eficazes de busca de emprego. Elas funcionam! Que o Senhor o abençoe em seus esforços para conseguir o emprego que deseja.