Primária
13 a 19 de setembro. Doutrina e Convênios 102–105: “Após muita tribulação (…) vem a bênção”
anterior próximo

“13 a 19 de setembro. Doutrina e Convênios 102–105: ‘Após muita tribulação (…) vem a bênção’”, Vem, e Segue-Me — Primária: Doutrina e Convênios 2021

“13 a 19 de setembro. Doutrina e Convênios 102–105”, Vem, e Segue-Me — Primária, 2021

C. C. A. Christensen (1831–1912), O Acampamento de Sião, aprox. 1878, pintura em musselina, 1,98 x 2,90 m. Museu de Arte da Universidade Brigham Young, doação dos netos de C. C. A. Christensen, 1970

13 a 19 de setembro

Doutrina e Convênios 102–105

“Após muita tribulação (…) vem a bênção”

Seu estudo de Doutrina e Convênios 102–105 é uma parte importante de sua preparação para ensinar. Ouça às impressões espirituais que receber de como ajudar as crianças a compreender melhor as escrituras.

Registre suas impressões

Convidar todos a participar

Ajude as crianças a escolherem uma música que as lembrem de algo que aprenderam no lar ou na igreja.

Ensinar a doutrina: Crianças menores

Doutrina e Convênios 103:9

Posso ser “uma luz para o mundo”.

Como você pode incentivar as crianças de sua classe a compartilhar a luz do evangelho com as pessoas ao redor delas?

Atividades sugeridas

  • Leia para as crianças Doutrina e Convênios 103:9 e peça-lhes que segurem gravuras de uma lâmpada, de uma vela ou de outra fonte de luz. Peça às crianças que mostrem a gravura delas para outra pessoa na classe. Diga-lhes que elas são como uma luz para outras pessoas quando seguem a Jesus Cristo.

  • Cante com as crianças uma música que fale sobre ser um bom exemplo, como “Brilhando, brilhando” ou “Sou como uma estrela” (Músicas para Crianças, pp. 38–39, 84). Ajude-as a inventar gestos para acompanhar a letra das músicas. Como podemos ser uma luz, ou um bom exemplo, para as pessoas ao nosso redor?

    Posso ser uma luz para o mundo.

Doutrina e Convênios 104:42

O Senhor vai me abençoar se eu guardar Seus mandamentos.

Diversas vezes na seção 104, o Senhor promete “uma multiplicidade de bênçãos” àqueles que fielmente guardam Seus mandamentos. Como você vai ajudar as crianças a sentir que Ele deseja nos abençoar generosamente?

Atividades sugeridas

  • Peça às crianças que façam um movimento, como mexer os dedos, sempre que ouvirem a palavra “bênção” enquanto você lê Doutrina e Convênios 104:42. Conte como o Pai Celestial tem abençoado você por guardar Seus mandamentos. Pergunte às crianças como Ele as têm abençoado. Convide cada criança a citar um mandamento que ela e as outras crianças podem obedecer.

  • Para ajudar as crianças a compreenderem o significado de “multiplicidade”, desenhe um círculo no quadro ou em uma folha de papel. Peça às crianças que ajudem você a multiplicar a quantidade de círculos — desenhe dois, depois quatro, oito, dezesseis e assim por diante — até que o quadro ou a folha fique cheio de círculos. Cada vez que acrescentar círculos, ajude as crianças a pensarem nas bênçãos que o Pai Celestial tem dado a elas. Explique-lhes que “uma multiplicidade de bênçãos” significa que o Senhor vai encher nossa vida de bênçãos se obedecermos a Seus mandamentos.

Doutrina e Convênios 105:38–40

Posso ser um pacificador.

Há muitas lições que podemos aprender com as experiências do Acampamento de Sião. Uma que pode ser importante para as crianças é que as contendas e as brigas causam dificuldades, mas a união e a paz trazem bênçãos.

Atividades sugeridas

  • Em suas próprias palavras, conte para as crianças a história do Acampamento de Sião (ver a introdução do esboço desta semana em Vem, e Segue-Me — Estudo Pessoal e Familiar; Santos, Volume 1, pp. 194–206; ou “A oferta aceitável do Acampamento de Sião”, Revelações em Contexto, pp. 220–225). Faça algumas pausas para reforçar as lições que podemos aprender com o Acampamento de Sião, por exemplo, o Senhor quer que sejamos pacíficos e trabalhemos juntos em vez de discutir e brigar.

  • Leia Doutrina e Convênios 105:38–40 e peça às crianças que fiquem de pé sempre que ouvirem a palavra “paz”. Explique-lhes que o Senhor queria que os santos ficassem em paz com as pessoas que estavam sendo rudes. Ajude as crianças a pensar em coisas que elas podem fazer para serem pacificadoras e peça-lhes que encenem algumas situações.

  • Conte uma história de uma criança sendo pacificadora usando experiências de sua vida ou extraídas das revistas Meu Amigo ou Liahona. Cantem uma música sobre amar uns aos outros, como “Ama sempre ao teu irmão” (Músicas para Crianças, p. 39), ou complete a página de atividades desta semana.

Ensinar a doutrina: Crianças maiores

Doutrina e Convênios 104:13–18

O Senhor quer que eu compartilhe o que tenho com os necessitados.

Pense em como você ajudará as crianças a compreender a maneira do Senhor para prover a Seu povo quando eles estão necessitados.

Atividades sugeridas

  • Dê alguns minutos às crianças para que façam uma lista de bênçãos que Deus tem dado a elas. Incentive-as a incluir tantas bênçãos quanto puderem se lembrar. Depois, leiam juntos Doutrina e Convênios 104:13–18 e identifiquem as respostas para perguntas como essas: Quem é o verdadeiro dono de todas as coisas? Por que Ele dá o que tem para nós? O que Ele quer que façamos com essas coisas? Ajude as crianças a pensar em maneiras de compartilhar suas bênçãos com o próximo.

  • Conte uma experiência na qual alguém lhe deu algo que você precisava e peça que as crianças contem experiências semelhantes. Ou mostre um vídeo sobre servir ao próximo, como “O Casaco” (ChurchofJesusChrist.org). O que aprendemos com essas experiências sobre servir ao próximo? Convide as crianças a ficarem atentas às pessoas que necessitam de ajuda e a encontrar alguém para servir nesta semana — na escola ou, em especial, uma pessoa na família.

  • Peça às crianças que procurem no Músicas para Crianças ou em Hinos, músicas que falem sobre servir ou ajudar ao próximo (ver no índice por assunto). Cantem juntos uma ou duas músicas e conversem sobre o que a letra delas nos ensinam.

Doutrina e Convênios 105:9–19

Posso obedecer aos mandamentos do Senhor mesmo que não entenda por quê.

A experiência do Acampamento de Sião pode ser uma maneira poderosa de mostrar as bênçãos que recebemos quando procuramos fazer a vontade do Senhor.

Atividades sugeridas

  • Mostre a gravura do esboço desta semana em Vem, e Segue-Me — Estudo Pessoal e Familiar e peça às crianças que contem o que sabem sobre o Acampamento de Sião. Se precisarem de ajuda, use a introdução ao esboço desta semana em Vem, e Segue-Me — Estudo Pessoal e Familiar; Santos, Volume 1, pp. 194–206; ou “A oferta aceitável do Acampamento de Sião”, Revelações em Contexto, pp. 220–225. Peça às crianças que façam de conta que elas participaram do Acampamento de Sião e que estão contando aos filhos as experiências pelas quais passaram. O que elas gostariam que seus filhos aprendessem com essas experiências?

  • Leiam juntos Doutrina e Convênios 105:13–14 e explique às crianças que quando o Acampamento de Sião chegou ao Missouri, o Senhor disse a eles que não procurassem tomar de volta as terras dos santos. Alguns membros do acampamento ficaram chateados e se perguntaram por que foram ordenados a ir até lá. O que devemos fazer quando não entendemos as razões para se obedecer a um mandamento? Conte alguns relatos de “Vozes da Restauração: O Acampamento de Sião” (em Vem, e Segue-Me — Estudo Pessoal e Familiar) para ajudar as crianças a ver que recebemos bênçãos quando obedecemos aos mandamentos que Deus nos dá por intermédio de Seus profetas mesmo quando não entendemos todos os motivos.

Incentivar o aprendizado no lar

Incentive as crianças a contar as experiências do Acampamento de Sião a alguém em casa e também algo que aprenderam com essas experiências. Ou peça-lhes que pensem em algo que receberam de Deus e que podem compartilhar com alguém necessitado.

Aperfeiçoar o ensino

Demonstre amor ao lidar com as interrupções. “Às vezes, uma criança age de modo a interromper o aprendizado das outras na classe. Quando isso acontecer, seja paciente, amoroso e compreensivo com os desafios que a criança pode estar enfrentando. (…) Se as interrupções forem causadas por uma criança com necessidades especiais, converse com o especialista em necessidades especiais da ala ou da estaca ou acesse o site disabilities.ChurchofJesusChrist.org para descobrir como você pode melhor atender a essas necessidades” (Ensinar à Maneira do Salvador, p. 26).