2 Coríntios 8
    Notas de rodapé

    Capítulo 8

    Os verdadeiros santos compartilham seus bens com os pobres — Cristo, de sua pobreza, trouxe riquezas eternas.

    1 Também, irmãos, vos fazemos saber a graça de Deus dada às igrejas da Macedônia;

    2 Como em muita prova de atribulação houve abundância de alegria, e como a sua profunda bpobreza abundou em riquezas de sua cgenerosidade.

    3 Porque, segundo o seu poder (o que eu mesmo testifico), e ainda acima do seu poder, deram voluntariamente,

    4 Pedindo-nos com muitos rogos a graça e a acomunhão desse serviço, que se fazia para com os santos.

    5 E fizeram não somente como nós esperávamos, mas a si mesmos se aderam primeiramente ao Senhor, e depois a nós, pela vontade de Deus.

    6 De maneira que exortamos Tito que, assim como dantes começou, assim também acabe essa graça entre vós.

    7 Portanto, assim como em tudo abundais em fé, e em palavra, e em saber, e em toda a adiligência, e na vossa caridade para conosco, assim também abundeis nessa graça.

    8 Não digo isso como quem manda, senão também para provar, pela diligência dos outros, a sinceridade da vossa caridade.

    9 Porque conheceis a agraça de nosso Senhor Jesus Cristo, que, sendo rico, por causa de vós se fez pobre; para que pela sua bpobreza enriquecêsseis.

    10 E nisto dou o meu parecer; pois que isto vos convém a vós, que desde o ano passado começastes não só o praticar, mas também o desejar.

    11 Agora, porém, completai também o já começado, para que, assim como houve a prontidão de vontade, haja também o cumprimento, segundo o que tendes.

    12 Porque, se primeiro houver aprontidão de vontade, será aceita segundo o que alguém tem, e não segundo o que não tem.

    13 Porém, não digo isso para que os outros tenham alívio, e vós, opressão,

    14 Mas para igualdade; neste tempo presente, a vossa abundância supra a falta dos outros, para que também a abundância deles supra a vossa falta, para que haja aigualdade;

    15 Como está escrito: O que muito acolheu não teve de mais; e o que pouco colheu não teve de menos.

    16 Porém, graças a Deus, que pôs a mesma solicitude por vós no coração de Tito;

    17 Pois aceitou a exortação, e muito diligente, partiu voluntariamente para vós.

    18 E com ele enviamos aquele irmão, cujo louvor no evangelho está espalhado por todas as igrejas.

    19 E não só isso, mas foi também escolhido pelas igrejas para companheiro da nossa viagem, nessa graça, que por nós é ministrada para glória do mesmo Senhor, e prontidão do vosso ânimo;

    20 Evitando isto: que alguém nos censure nesta abundância, que por nós é ministrada;

    21 Pois zelamos pelo que é ahonesto, não só diante do Senhor, mas também diante dos homens.

    22 Com eles enviamos também outro nosso irmão, o qual muitas vezes, e em muitas coisas já experimentamos que é diligente, e agora muito mais diligente ainda pela muita aconfiança que em vós tem.

    23 Quanto a Tito, é meu companheiro, e cooperador para convosco; quanto a nossos irmãos, são embaixadores das igrejas e glória de Cristo.

    24 Portanto, mostrai para com eles, perante a face das igrejas, a prova da vossa caridade, e do nosso enaltecimento acerca de vós.