10 a 16 de janeiro. Gênesis 3–4; Moisés 4–5: A Queda de Adão e Eva
anterior próximo

“10 a 16 de janeiro. Gênesis 3–4; Moisés 4–5: A Queda de Adão e Eva”, Vem, e Segue-Me — Estudo Pessoal e Familiar: Velho Testamento 2022

“10 a 16 de janeiro. Gênesis 3–4; Moisés 4–5”, Vem, e Segue-Me — Estudo Pessoal e Familiar, 2022

Adam and Eve [Adão e Eva], de Douglas M. Fryer

10 a 16 de janeiro

Gênesis 3–4; Moisés 4–5

A Queda de Adão e Eva

Ao estudar Gênesis 3–4 e Moisés 4–5, pondere sobre o que o Senhor está lhe ensinando. Registre essas verdades e impressões espirituais, e reflita sobre elas ao longo da semana.

Registre suas impressões

A princípio, a história da Queda de Adão e Eva parece uma tragédia. Adão e Eva foram expulsos do belo Jardim do Éden. Foram lançados em um mundo onde dor, tristeza e morte estão sempre presentes (ver Gênesis 3:16–19). E foram separados de seu Pai Celestial. Porém, por causa das verdades restauradas por meio do profeta Joseph Smith no livro de Moisés, sabemos que a história de Adão e Eva é, na verdade, uma história de esperança — e uma parte essencial do plano de Deus para Seus filhos.

O Jardim do Éden era lindo. Mas Adão e Eva precisavam de algo além de belas paisagens. Eles precisavam — e todos precisamos — de uma oportunidade para crescer. Sair do Jardim do Éden foi o primeiro passo necessário para retornar a Deus e eventualmente se tornar como Ele. Isso significava enfrentar a oposição, cometer erros, aprender a se arrepender e confiar no Salvador, cuja Expiação possibilita a progressão e “a alegria de nossa redenção” (Moisés 5:11). Portanto, quando você ler sobre a Queda de Adão e Eva, não se concentre na aparente tragédia, mas nas possibilidades — não no paraíso que Adão e Eva perderam, mas na glória que sua escolha nos permite receber.

Ideias para o estudo pessoal das escrituras

Gênesis 3:1–7; Moisés 4; 5:4–12

A Queda foi uma parte necessária do plano de Deus para redimir Seus filhos.

A Queda de Adão e Eva trouxe morte física e espiritual a este mundo. Também trouxe adversidade, tristeza e pecado. Todos esses parecem motivos para lamentar a Queda. Mas a Queda fazia parte do plano do Pai Celestial para redimir e exaltar Seus filhos por meio “do sacrifício do Unigênito do Pai” (Moisés 5:7). Ao estudar Gênesis 3:1–7; Moisés 4; 5:4–12, que verdades você encontrou que o ajudam a entender a Queda e como a Expiação de Cristo a supera? Perguntas como estas podem ajudar:

  • Como a Queda afetou Adão e Eva? Como me afeta?

  • Por que Adão e Eva ofereceram sacrifícios? O que esses sacrifícios simbolizavam? O que posso aprender com as palavras do anjo nesses versículos?

  • Por que Adão e Eva “[alegraram-se]” depois da Queda? O que posso aprender com esse relato do plano de Deus para me redimir por meio de Jesus Cristo?

Por causa do Livro de Mórmon e de outras revelações modernas, temos uma perspectiva única sobre a Queda. Por exemplo, pense no que o profeta Leí ensinou sobre Adão e Eva para sua família em 2 Néfi 2:15–27. Como os ensinamentos de Leí esclarecem o que aconteceu no Jardim do Éden e nos ajudam a entender por que foi importante?

Ver também 1 Coríntios 15:20–22; Mosias 3:19; Alma 12:21–37; Doutrina e Convênios 29:39–43; Regras de Fé 1:3; Dallin H. Oaks, “O grande plano”, Liahona, maio de 2020, p. 93; Dallin H. Oaks, “Oposição em todas as coisas”, A Liahona, maio de 2016, p. 114; Jeffrey R. Holland, “Perdão, justiça e redenção”, A Liahona, maio de 2015, p. 104.

Leaving Eden [Partindo do Éden], de Annie Henrie Nader

Gênesis 3:16; Moisés 4:22

O que significa que Adão “[dominaria]” Eva?

Essa passagem das escrituras, às vezes, tem sido mal interpretada sugerindo que um marido é justificado ao tratar sua esposa com maldade. Em nossos dias, os profetas do Senhor têm ensinado que, embora um marido deva presidir o lar em retidão, ele deve ver sua esposa como parceira igual (ver “A Família: Proclamação ao Mundo”, ChurchofJesusChrist.org). O élder Dale G. Renlund e a irmã Ruth Lybbert Renlund explicaram que um marido justo “ministrará; ele reconhecerá seu erro e buscará perdão; ele será rápido em elogiar; ele considerará as preferências dos membros da família; ele sentirá o grande peso da responsabilidade de atender ‘às necessidades de vida e proteção’ de sua família; ele tratará sua esposa com o maior respeito e consideração. (…) Ele abençoará sua família” (The Melchizedek Priesthood: Understanding the Doctrine, Living the Principles, 2018, p. 23).

Moisés 5:4–9, 16–26

Deus aceitará meus sacrifícios se eu os oferecer de boa vontade e estiver disposto a obedecer.

Adão e Eva aprenderam que sacrifícios de animais simbolizavam o sacrifício expiatório de Cristo, e “deram a conhecer todas as coisas a seus filhos e suas filhas” (Moisés 5:12). Ao estudar Moisés 5:4–9, 16–26, pense nas diferentes atitudes dos filhos deles, Caim e Abel, em relação a esses sacrifícios. Por que o Senhor aceitou o sacrifício de Abel, mas não o de Caim?

Que tipo de sacrifício o Senhor pede a você? Há algo em Moisés 5:4–9, 16–26 que muda a maneira como você pensa sobre esses sacrifícios?

Ver também Salmos 4:5; 2 Coríntios 9:7; Ômni 1:26; 3 Néfi 9:19–20; Morôni 7:6–11; Doutrina e Convênios 97:8; Jeffrey R. Holland, “Eis aqui o Cordeiro de Deus”, Liahona, maio de 2019, p. 44.

Ideias para o estudo das escrituras em família e para a noite familiar

Gênesis 3; Moisés 4.

O que você pode fazer para ajudar sua família a entender melhor a Queda de Adão e Eva? Você pode fazer cópias das gravuras de “Adão e Eva” (em Histórias do Velho Testamento) e recortá-las. Depois vocês podem trabalhar juntos para colocar as gravuras em ordem enquanto conversam sobre as experiências de Adão e Eva. Por que a Queda era necessária ao plano de salvação do Pai Celestial?  

Moisés 4:1–4.

O que aprendemos sobre Deus, Jesus Cristo, e Satanás nesses versículos? Por que o arbítrio é tão importante para o plano de Deus a ponto de Satanás querer destruí-lo?

Moisés 5:5–9.

O que Deus ordenou que Adão e Eva fizessem para ajudá-los a pensar no Salvador? O que Deus nos deu para nos ajudar a pensar no Salvador?

Moisés 5:16–34.

O que significa ser o “guardador do [nosso] irmão”? Como podemos cuidar melhor um do outro como família?

Para mais ideias sobre como ensinar às crianças, ver o esboço desta semana em Vem, e Segue-Me — Primária.

Hino sugerido: “Escolhendo o que é certo”, Músicas para Crianças, pp. 82–83.

Aperfeiçoar o estudo pessoal

Use auxílios para o estudo das escrituras. Ao estudar as escrituras, use as notas de rodapé, o Guia para Estudo das Escrituras e outros auxílios para aprender mais.

Similitude [Semelhança], de Walter Rane