Estudo Pessoal e Familiar
31 de agosto a 6 de setembro: “Boas-novas de grande alegria”
Notas de rodapé

Hide Footnotes

Tema

“31 de agosto a 6 de setembro. Helamã 13–16: ‘Boas-novas de grande alegria’”, Vem, e Segue-Me — Estudo Pessoal e Familiar: Livro de Mórmon 2020

“31 de agosto a 6 de setembro”, Vem, e Segue-Me — Estudo Pessoal e Familiar, 2020

Samuel the Lamanite on the Wall [Samuel, o Lamanita, na Muralha], de Arnold Friberg

31 de agosto a 6 de setembro

Helamã 13–16

“Boas-novas de grande alegria”

Ao registrar suas impressões durante esta semana, pense como os princípios contidos em Helamã 13–16 se conectam e reforçam outras coisas que você tem aprendido nas escrituras.

Registre suas impressões

Samuel, o Lamanita, foi rejeitado e expulso pelos nefitas duros de coração na primeira vez em que compartilhou as “boas-novas” em Zaraenla (Helamã 13:7). Era como se eles tivessem construído uma muralha impenetrável em volta do coração que os impedia de aceitar a mensagem de Samuel. Samuel entendia a importância da mensagem que ele tinha que compartilhar e demonstrou fé ao seguir o mandamento de Deus para “que voltasse e profetizasse” (Helamã 13:3). Assim como aconteceu com Samuel, todos nós encontramos muralhas à medida que “[preparamos] o caminho do Senhor” (Helamã 14:9) e nos esforçamos para seguir Seus profetas. Como Samuel, também testificamos de Jesus Cristo, “o qual sem dúvida virá”, e convidamos todos a “[acreditar] em seu nome” (Helamã 13:6; 14:13). Nem todos ouvirão, e alguns podem se opor ativamente a nós. Mas, para os que acreditarem na mensagem, tendo fé em Cristo, saberão verdadeiramente que são “boas-novas de grande alegria” (Helamã 16:14).

Ideias para o estudo pessoal das escrituras

Helamã 13

O Senhor nos adverte por meio de Seus profetas.

Nas escrituras, os profetas são, às vezes, comparados a um atalaia sobre um muro ou uma torre, que avisa sobre os perigos à frente (ver Isaías 62:6; Ezequiel 33:1–7).

O presidente M. Russell Ballard ensinou: “Ao longo dos séculos, os profetas cumpriram seu dever quando advertiram as pessoas sobre os perigos que estavam diante delas. Os apóstolos do Senhor têm o dever de zelar, advertir e estender a mão para ajudar aqueles que buscam respostas para as dúvidas da vida” (“Deus está ao leme”, A Liahona, novembro de 2015, p. 25).

Ao estudar e ponderar sobre Helamã 13, marque as muitas advertências feitas por Samuel. Por exemplo: O que ele ensina sobre arrependimento? E sobre humildade e riquezas? Como essas advertências se aplicam a você? Que advertências os profetas de hoje em dia têm feito recentemente e o que você sente que deveria fazer a respeito delas?

O profeta nos remete a Jesus Cristo.

Helamã 13–15

O Senhor é misericordioso com aqueles que se arrependem.

Originalmente, Samuel foi enviado aos nefitas para anunciar as boas-novas sobre a vinda do Salvador (ver Helamã 13:7). Por ter sido rejeitado, ele voltou com severas advertências sobre os julgamentos de Deus. Mas essas advertências incluíam consistentemente um convite misericordioso para o arrependimento. Identifique esses convites ao longo de Helamã 13–15 (ver especialmente Helamã 13:6, 11; 14:15–19; 15:7–8). Como esses convites se aplicam a você? O que aprendemos nesses versículos sobre o arrependimento? Quando foi que você sentiu a misericórdia de Deus que resulta do arrependimento?

Helamã 14; 16:13–23

Sinais e maravilhas podem fortalecer a fé daqueles que não endurecem o coração.

Em Helamã 14, Samuel explicou por que o Senhor enviou sinais do nascimento e da morte do Salvador: “Para que acrediteis em seu nome” (Helamã 14:12). Enquanto estuda Helamã 14, observe os sinais do nascimento do Salvador nos versículos 1–8 e os sinais de Sua morte nos versículos 20–28. Em sua opinião, por que esses sinais seriam maneiras eficazes de tornar conhecidos o nascimento e a morte de Jesus Cristo?

Você pode pensar em quaisquer sinais que o Senhor tenha enviado a você para ajudá-lo a acreditar Nele? Por exemplo, os profetas têm predito os sinais que aparecerão antes da Segunda Vinda do Salvador (ver “Sinais dos tempos”, Guia para Estudo das Escrituras, scriptures.ChurchofJesusChrist.org). Como esses sinais têm sido cumpridos em nossos dias? Outros sinais que levam à fé em Jesus Cristo podem ser mais pessoais e menos contundentes. Reserve um tempo para refletir sobre as maneiras pelas quais você testemunhou a influência Dele em sua vida.

Que advertência é feita a respeito de sinais em Helamã 16:13–23? Como podemos evitar a atitude das pessoas descritas nesses versículos?

Ver também Alma 30:43–52; Ronald A. Rasband, “Por desígnio divino”, A Liahona, novembro de 2017, p. 55.

Helamã 16

Seguir os conselhos do profeta me aproxima do Senhor.

O élder Neil L. Andersen ensinou: “Descobri que, ao estudar as palavras do profeta de Deus em espírito de oração e, ao cuidadosamente, com paciência, alinhar espiritualmente minha vontade a seus ensinamentos inspirados, minha fé no Senhor Jesus Cristo sempre aumenta. Se escolhermos deixar seus conselhos de lado e dissermos que sabemos mais do que ele, nossa fé se enfraquece e nossa perspectiva eterna é obscurecida” (“O profeta de Deus”, Liahona, maio de 2018, p. 27). De que modo as palavras e as ações dos nefitas em Helamã 16 confirmam o que o élder Andersen ensinou? Que compromissos pessoais você sente que deveria assumir em relação aos profetas do Senhor e às mensagens deles?

Ideias para o estudo das escrituras em família e para a noite familiar

Ao ler as escrituras com sua família, o Espírito pode ajudá-lo a decidir quais princípios devem ser enfatizados e debatidos a fim de satisfazer as necessidades de sua família. Eis algumas ideias.

Helamã 13:3–4

O que inspira sua família em relação à resposta de Samuel ao mandamento do Senhor em Helamã 13:3–4? Durante o estudo desta semana, incentive os membros da família a contarem sobre as impressões que têm sido “[colocadas em seu] coração”.

Helamã 13:38

A ideia de que a felicidade pode ser encontrada “na iniquidade” é comum nos dias de hoje. De que modo o fato de viver o evangelho nos trouxe a verdadeira felicidade?

Helamã 15:3

Como a correção de Deus mostra o amor que Ele tem por nós? Incentive os membros da família a perguntar humildemente ao Senhor o que eles precisam fazer para se aperfeiçoarem.

Helamã 15:5–8

O que aprendemos sobre a conversão dos lamanitas descrita nesses versículos? Como podemos seguir o exemplo deles?

Helamã 16:1–3

Sua família apreciaria representar a história de Samuel, o Lamanita? Depois de ler o relato, os membros da família podem se revezar ficando de pé em uma cadeira enquanto leem algumas profecias de Samuel e outros fazem de conta que estão atirando flechas ou pedras. Isso pode ajudar sua família a entender como Samuel e os nefitas se sentiam. As crianças pequenas talvez gostem de fazer desenhos que ilustrem a história. Como podemos ser como Samuel e compartilhar o evangelho a despeito de nossos medos?

Para alguns exemplos de como ensinar as crianças, veja o esboço desta semana em Vem, e Segue-Me — Primária.

Aperfeiçoar o estudo pessoal

Observar os padrões. Um padrão é um plano ou modelo que pode ser usado como guia para cumprir uma tarefa. Nas escrituras, encontramos padrões que mostram como o Senhor executa Seu trabalho, tais como enviar Seus servos para advertir as pessoas.

© The Book of Mormon for Young Readers, Samuel the Lamanite [Samuel, o Lamanita], de Briana Shawcroft