2021
Templos, o nome da Igreja e inclusão
anterior próximo

Para os pais

Templos, o nome da Igreja e inclusão

Prezados pais,

Nesta edição, vocês poderão aprender sobre o uso do nome correto da Igreja, a importância dos templos e inclusão. Vocês podem utilizar estes artigos e as ideias a seguir para iniciar conversas com sua família sobre coisas que podemos fazer para progredir no caminho do convênio.

Debates sobre o evangelho

Assim será a minha igreja chamada

O presidente Henry B. Eyring explica por que devemos usar o nome completo da Igreja e as bênçãos que recebemos ao fazê-lo (ver página 6). Vocês podem ler esse artigo com sua família e debater sobre como o uso do nome da Igreja é uma maneira de prestar testemunho.

O templo

Usem os artigos nas páginas 10–17 e as histórias na revista Meu Amigo para ajudar sua família a aprender sobre o templo. Perguntem a seus filhos o que o templo significa para eles. Utilizem os recursos da Igreja para ajudá-los a responder quaisquer perguntas que venham a ter sobre o templo.

Inclusão

Se vocês tiverem um filho mais velho que sinta atração por pessoas do mesmo sexo ou que tenha amigos nessa situação, leiam juntos o artigo na página 20. Depois debatam sobre como vocês podem ajudar seus filhos ou os amigos deles a se sentirem mais incluídos e como podem compartilhar o amor de Deus com eles.

Ideias para o Vem, e Segue-Me

Ver páginas 26–29.

Diversão em família com o Vem, e Segue-Me

O peso da aflição

Doutrina e Convênios 122:5–9

  1. Juntem alguns objetos pesados, como pedras ou livros grandes.

  2. Sentem-se formando um círculo.

  3. Mostrem uma foto de Joseph Smith na cadeia de Liberty.

  4. Leiam Doutrina e Convênios 122:5–7.

  5. Para cada aflição mencionada nesses versículos, coloquem uma pedra no meio do círculo.

  6. Peçam que cada pessoa acrescente mais uma pedra ao monte no meio do círculo para representar uma provação que ela já tenha vivido.

  7. Leiam Doutrina e Convênios 122:8–9.

  8. Quem sentiu a dor de todas essas provações? Imaginem como alguém se sentiria ao carregar todas elas.

Debate: De que maneira o Senhor nos entende, ajuda-nos e transforma nossas provações em experiências que “serão para o [nosso] bem”? (Doutrina e Convênios 122:7.)

Abrigar-se da tempestade

Doutrina e Convênios 115

Usem esta atividade para ensinar que, ao nos reunirmos como santos dos últimos dias, recebemos força e proteção.

  1. Leiam juntos Doutrina e Convênios 115:6: “E para que a reunião na terra de Sião e em suas estacas seja uma defesa e um refúgio contra a tempestade e contra a ira, quando for derramada, sem mistura, sobre toda a Terra”.

  2. Lancem dados ou peçam que alguém pense em um número de 1 a 10.

  3. Se o número for ímpar, cite algo que nos protege de uma tempestade física (por exemplo, guarda-chuva, casaco, casa).

  4. Se o número for par, diga o nome de algo que nos protege de uma tempestade espiritual (por exemplo, escrituras, oração, obediência, nossa família).

  5. Tentem não repetir as respostas.

  6. Se vocês tiverem filhos mais velhos, podem debater o significado de Sião encontrado no Guia para Estudo das Escrituras: “Puros de coração” (Doutrina e Convênios 97:21). Como somos protegidos ao nos reunirmos com os puros de coração?

Debate: Quais são algumas das tempestades físicas e espirituais que enfrentamos? Como podemos nos reunir em Jesus Cristo? Como podemos “erguer-nos e brilhar”? (Ver Doutrina e Convênios 115:5.)