2015
    Um Rebanho e Um Pastor
    Notas de rodapé
    Theme

    Um Rebanho e Um Pastor

    Um cercado para um rebanho de ovelhas nos ensina sobre o cuidado do Salvador com Seu povo.

    Antigo Curral de Ovelhas

    Cajado

    Vara

    Pastor

    Muro de pedra

    Cancela

    Ovelha

    Funda

    O que é: Um abrigo simples, um curral cercado.

    Propósito: Proteger o rebanho de ovelhas contra predadores e ladrões, sobretudo à noite.

    Material e construção: Pedras em geral com espinheiros muitas vezes colocados no alto do muro. Espinheiros espessos também costumavam ser usados para fazer cercas para um abrigo improvisado e temporário. Às vezes cavernas serviam de aprisco, com pequenas barreiras de rochas ou arbustos colocados na entrada.

    O Que Podemos Aprender

    Currais são:

    O local onde se reúne o rebanho. Como membros da Igreja, partilhamos um elo ao exercermos nossa fé, guardarmos nossos convênios e também ao nos reunirmos literalmente. O Presidente Henry B. Eyring, Primeiro Conselheiro na Primeira Presidência, ensinou: “A alegria da união que [o Pai Celestial] tanto almeja dar-nos não é solitária. Precisamos buscá-la e tornar-nos dignos dela juntamente com outros. Não admira, portanto, que Deus peça que nos unamos para que Ele possa abençoar-nos. Ele quer que nos reunamos em família. Ele criou classes, alas e ramos e ordenou que nos reuníssemos com frequência. Nessas reuniões, (…) podemos orar e trabalhar em prol da união que nos trará alegria e multiplicará nossa capacidade de servir” (“Com os Corações Entrelaçados em União”, A Liahona, novembro de 2008, p. 68).

    Um lugar de segurança e descanso. Em Jesus Cristo “[encontramos] descanso para (…) [nossa alma]” (Mateus 11:29). Sua Igreja é uma “defesa e um refúgio” (D&C 115:6). E como ensinou o Presidente Boyd K. Packer, Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos: “Encontramos segurança e paz para nós mesmos (…) honrando os convênios que fizemos e vivendo à altura dos simples atos de obediência exigidos dos seguidores de Cristo” (“Estas Coisas Eu Sei”, A Liahona, maio de 2013, p. 6).

    Guardados pelo pastor. Jesus Cristo é o Bom Pastor que nos salva. Ele sofreu e morreu a fim de que pudéssemos sobrepujar o pecado e a morte e voltar à presença do Pai Celestial. Se viermos a Cristo e obedecermos a Seus mandamentos, Ele nos abençoará, guiará e protegerá tanto individualmente quanto como Seu povo do convênio.