Lição 9: A Sucessão na Presidência

"Lição 9: A Sucessão na Presidência," Presidentes da Igreja – Manual do Professor, (1998)


Objetivo

Ajudar os alunos a entenderem como é escolhido o Presidente da Igreja.

Preparação

  1. 1.

    Prepare-se para mostrar as gravuras coloridas de Joseph Smith e de Brigham Young.

  2. 2.

    Consiga gravuras da Primeira Presidência e do Quórum dos Doze atuais na biblioteca da capela ou no último número de A Liahona contendo os discursos da conferência geral.

  3. 3.

    No quadro-negro ou em um cartaz, mostre a Primeira Presidência e o Quórum dos Doze conforme se acharem constituídos no dia em que apresentar a lição.

Sugestão para o Desenvolvimento da Lição

Introdução

Discussão

A morte do Profeta Joseph Smith, em junho de 1844, foi um terrível golpe para os membros da Igreja. Eles não só perderam seu amado Profeta, mas também não haviam conhecido uma época em que Joseph não fosse o Profeta e Presidente da Igreja. Jamais haviam visto uma modificação na Presidência da Igreja. A maioria dos membros talvez nunca tivesse imaginado como seria escolhido um novo presidente.

  • Como é escolhido um novo Presidente da Igreja?

Discussão de escritura

Leia Isaías 55:8. Explique-lhes que o Senhor escolhe o homem que será o Presidente da Igreja. Ele estabeleceu um método sistemático para a alteração da liderança na Igreja.

Leia Jeremias 1:5. Esclareça aos alunos que Deus escolheu Jeremias na préexistência para ser um profeta, antes que ele tivesse nascido. Deus escolheu e ordenou todos os profetas antes de nascerem na mortalidade, e todos os Presidentes da Igreja foram escolhidos para essa posição antes de terem nascido. (Ver também Abraão 3:22–23 e D&C 138:53–56.)

A Primeira Presidência

Leia Doutrina e Convênios 107:22. Explique-lhes que esta Presidência da Igreja é chamada de Primeira Presidência e consiste do Presidente, que é o profeta, e de seus dois conselheiros. (Ocasionalmente, mais conselheiros são chamados.)

  • Quem preside a Igreja quando falece o Presidente?

Leia Doutrina e Convênios 107:23–24. Esclareça que, quando o Presidente da Igreja morre, a Primeira Presidência é dissolvida, os conselheiros retornam ao Quórum dos Doze, ocupando seu lugar segundo a data de ordenação, e o Quórum dos Doze preside a Igreja até a escolha do novo Presidente e da Primeira Presidência.

Cada Apóstolo É um Profeta, Vidente e Revelador

Gravuras

Mostre as gravuras da Primeira Presidência e do Quórum dos Doze atuais. Esclareça que todo homem ordenado como apóstolo também é ordenado como profeta, vidente e revelador. Nós os apoiamos na conferência como profetas, videntes e reveladores. Informe que todo apóstolo, em virtude de sua ordenação como apóstolo, possui as chaves para ser o Presidente da Igreja. Ele, porém, não pode exercê-las enquanto não se tornar o apóstolo sênior (Sênior significa aqui “o mais antigo no cargo”. Com a morte do Profeta, ele preside a Igreja como Presidente do Conselho dos Doze, até que a Primeira Presidência seja reorganizada. Nessa ocasião torna-se o novo Presidente e profeta da Igreja.

Em todos os casos de falecimento de um Presidente da Igreja, o Quórum dos Doze Apóstolos presidiu a Igreja. Em algumas ocasiões, ele a presidiu por muitos anos até que fosse escolhido um novo Presidente. Entretanto, quando Wilford Woodruff era Presidente da Igreja, disse aos apóstolos que no futuro o Senhor queria que o Quórum dos Doze escolhesse um novo Presidente imediatamente após a morte do Presidente da Igreja.

Discussão

  • Se o Presidente da Igreja morresse hoje, quem seria o próximo Presidente da Igreja? (Esclareça que o próximo Presidente seria o apóstolo sênior. Esse é o procedimento estabelecido e só uma revelação direta do Senhor pode modificálo. Diga-lhes o nome desse membro do Quórum dos Doze e explique-lhes que ele é o apóstolo sênior depois do Presidente da Igreja. Explique aos alunos que, com a morte do Presidente, seus conselheiros retornam ao Quórum dos Doze e assumem sua posição de acordo com a data em que foram ordenados ao apostolado.)

Quando um membro do quórum falece, aqueles cuja ordem de ordenação é mais nova que a dele mudam de posição: o décimo segundo se torna o décimo primeiro, e assim por diante. Quando um novo homem é escolhido para ser um apóstolo, a data de sua ordenação confere-lhe o lugar designado no Quórum dos Doze e ele torna-se o décimo segundo membro do Quórum.

Ensine que o Senhor conhece todos os homens que serão Presidentes da Igreja. Ele os chama para serem apóstolos e, quando chega a hora de presidirem a Igreja, já pertencem ao Quórum dos Doze e são o apóstolo sênior naquele Quórum.

Antes de tornar-se Presidente da Igreja, Spencer W. Kimball disse: “Nosso Senhor tomou todas as providências para as mudanças. Atualmente há quatorze apóstolos que detêm, em suspenso, essas chaves: os doze apóstolos e os dois conselheiros do Presidente. Essas chaves serão utilizadas se e quando as circunstâncias o permitirem. Todos eles são ordenados à liderança à medida que avançam seguindo sua antigüidade.

Desde Joseph Smith existiram uns oitenta apóstolos assim investidos, embora somente onze tenham ocupado o lugar de Presidente da Igreja, devido à intervenção da morte; e visto que a morte de Seus servos fica a critério e sob controle do Senhor, Ele permite chegar ao primeiro lugar apenas aquele destinado a assumir a liderança. Vida e morte tornam-se os fatores controladores.

Cada novo apóstolo, por sua vez, é escolhido pelo Senhor e revelado ao profeta vivo, pelo qual é ordenado” (“Damos Graças a Ti, Ó Deus Amado”, Relatório da Conferência Geral de outubro de 1972).

O Manto do Profeta

História

Depois que o Profeta Joseph Smith foi morto, o Quórum dos Doze presidiu a Igreja. Muitos santos não sabiam como seria escolhido um novo Presidente da Igreja.

Sidney Rigdon foi conselheiro do Presidente Joseph Smith durante onze anos e ajudou o Profeta de muitas maneiras. Pensava que seria o próximo Presidente da Igreja. Ele não concordou que o Quórum dos Doze Apóstolos presidisse a Igreja, querendo ser escolhido pelo povo como novo Presidente.

Sidney Rigdon convocou uma reunião para que os membros decidissem quem presidiria a Igreja. A reunião foi realizada em Nauvoo, no final de agosto de 1844, seis semanas depois do falecimento do Profeta Joseph Smith, quando Brigham Young, o apóstolo sênior, e outros apóstolos voltaram da missão. Sidney Rigdon e Brigham Young falaram naquela oportunidade.

Uma outra reunião foi convocada para as dez horas do dia seguinte. Nela aconteceu uma manifestação maravilhosa. Quando Brigham Young se levantou para falar, durante algum tempo sua aparência e voz eram iguais às de Joseph Smith.

Gravuras

Mostre as gravuras de Joseph Smith e Brigham Young.

Wilford Woodruff, que mais tarde tornou-se Presidente da Igreja, declarou: “Ouvi dois ou três irmãos testificarem a respeito do Irmão Young em Nauvoo. Todas as pessoas presentes na reunião, e que talvez chegassem a milhares, podiam prestar o mesmo testemunho. Eu estava lá, os Doze estavam lá e um bom número de outros santos, e todos podem prestar o mesmo testemunho. Alguém poderia perguntar: por que Brigham Young teve a aparência de Joseph Smith? Porque ali estavam Sidney Rigdon e outros homens, levantando-se e clamando ser os líderes da Igreja, e naquela situação os homens estavam confusos, sem saber para que lado virar-se. Mas assim que Brigham Young levantou-se naquela assembléia, seu semblante era o de Joseph Smith — o manto de Joseph havia caído sobre ele, o poder de Deus que estava sobre Joseph Smith estava sobre ele, que tinha a voz de Joseph, e era a voz do pastor. Não houve uma só pessoa na reunião, incluindo o próprio Rigdon, que não tenha sentido em seu coração que Brigham era o líder adequado para o povo, e que ele, Brigham, não permitiria que seu nome fosse apresentado depois daquele sermão haver sido proferido. Havia uma razão para isso na mente do Senhor; isso convenceu o povo. Eles viram e ouviram por si mesmos, e foi pelo poder de Deus”. (Journal of Discourses, 15:81)

Emmeline B. Wells também estava presente na reunião. Ela disse: “Eu estava de pé em cima de uma carroça, por isso não precisava levantar-me, mas os que estavam sentados levantaram-se deixando escapar uma exclamação de surpresa e espanto. Eu podia ver tudo muito bem, e todos realmente pensaram que era o Profeta Joseph que ressurgira dos mortos. Depois que Brigham Young proferiu algumas palavras, o tumulto diminuiu e o povo realmente soube que não era o Profeta Joseph, mas o Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos. Foi a manifestação mais extraordinária que presenciei, e tenho visto inúmeras delas”. (Emmeline B. Wells, “My Testimony”, em Preston Nibley, comp. Faith Promoting Stories [Salt Lake City: Deseret Book Co., 1943], p. 137.)

O Senhor mostrou ao povo que Brigham Young, o apóstolo sênior do Quórum dos Doze, seria o próximo Presidente da Igreja.

A Mudança na Liderança É Sistemática

Discussão

A Igreja segue hoje a ordem estabelecida pelo Senhor na mudança sistemática de liderança.

  • Já assistiram ou observaram as mudanças que ocorrem na Presidência da Igreja com a morte do Presidente?

Leia o relato do Presidente N. Eldon Tanner sobre como o Presidente Kimball foi chamado para Presidente da Igreja e profeta do Senhor. “Após o funeral do Presidente Lee, o Presidente Kimball (então Presidente do Conselho dos Doze), convocou uma reunião de todos os apóstolos no domingo, 30 de dezembro, às 15 horas, na Sala do Conselho do Templo de Salt Lake. O Presidente Romney e eu (que fazíamos parte da Primeira Presidência) ocupamos nossa posição no Conselho, na ordem de nosso chamado, de maneira que quatorze de nós estávamos presentes.

Após um hino e a oração proferida pelo Presidente Romney, o Presidente Kimball, com grande humildade, expressou seus sentimentos para conosco. Disse que passou a sexta-feira no templo, conversando com o Senhor, e que derramou muitas lágrimas enquanto orava por orientação, a fim de assumir suas novas responsabilidades e escolher seus conselheiros.

Vestidos com o manto do santo sacerdócio, fizemos um círculo de oração; o Presidente Kimball pediu-me que o dirigisse, e ao Élder Thomas S. Monson que orasse. Após essa cerimônia, o Presidente Kimball explicou o propósito da reunião e convidou cada membro do Quórum, a partir do mais antigo, começando por Élder Ezra Taft Benson e seguindo pela ordem, para que expressasse seus sentimentos quanto a devermos organizar a Primeira Presidência naquele dia ou prosseguirmos na direção como Quórum dos Doze. Cada um disse: `Devemos organizar agora’ e muitos comentários elogiosos foram feitos a respeito do Presidente Kimball e seu trabalho com os Doze.

A seguir, o Élder Ezra Taft Benson indicou Spencer W. Kimball para ser o Presidente da Igreja. Foi apoiado pelo Élder Mark E. Petersen e unanimemente aprovado. O Presidente Kimball então nomeou N. Eldon Tanner como primeiro conselheiro e Marion G. Romney como segundo, os quais manifestaram o desejo de aceitar a posição e dedicar todo o tempo e energia para servir nesse chamado.

A aprovação dos nomes foi unânime. A seguir, o Élder Mark E. Petersen, o seguinte pela ordem de chamado ao Élder Benson, indicou este para Presidente do Quórum dos Doze, já que era o membro mais antigo. Isso foi aprovado unanimemente.

Nesse momento, todos os membros presentes impuseram as mãos sobre a cabeça de Spencer W. Kimball e o Presidente Ezra Taft Benson proferiu a bênção, ordenação e designação de Spencer W. Kimball como décimo segundo presidente de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.” (“A Administração da Igreja”, A Liahona, março de 1980, pp. 63–64.)

Quadro-negro ou cartaz e discussão

Apresente no cartaz ou quadro-negro a lista que preparou com os nomes da Primeira Presidência e do Conselho dos Doze atuais, na ordem correta. (Para completar este exercício, consiga um gráfico atual de todas as Autoridades Gerais, publicado em A Liahona que traz os discursos da conferência geral.) Explique como surgiu a ordem atual na Primeira Presidência e no Quórum dos Doze.

Discussão

Cada um de nós tem uma responsabilidade quando é escolhido e anunciado um novo Presidente da Igreja. Devemos procurar conseguir o testemunho de que o Presidente, o profeta do Senhor, foi por Ele escolhido.

Testemunho e Desafio

  • Como podemos desenvolver esse testemunho? (Permita que a classe responda.)

Desafie os alunos a procurarem saber por si mesmos que o servo escolhido do Senhor, o profeta, foi colocado nessa posição pelo processo revelado.

Preste testemunho de que todos os Presidentes da Igreja foram profetas ungidos do Senhor, escolhidos por Ele para conduzir a Igreja. Preste testemunho do atual profeta e Presidente da Igreja.