Gospel Living App
Viver o evangelho

O arrependimento e o perdão estão ligados.

06/12/24 | 1 min ler
Ambos podem abençoar nossa vida diária!

Escritura do dia: “E também vos perdoareis uns aos outros vossas ofensas, pois em verdade vos digo que aquele que não perdoar as ofensas de seu próximo, quando este se confessar arrependido, trará sobre si condenação” (Mosias 26:31).

A melhor maneira de entender esse versículo das escrituras é ler também o versículo anterior: “Sim, e tantas vezes quantas o meu povo se arrepender, perdoá-lo-ei de suas ofensas contra mim” (Mosias 26:30).

Então, juntando os dois, o Senhor está dizendo que Ele nos perdoará se nos arrependermos, mas nosso arrependimento não será completo se ainda guardarmos rancor dos outros. Parece justo, certo?

Mas, sejamos honestos, pode ser muito difícil perdoar as pessoas! Especialmente quando eles não parecem arrependidos.

Quando isso acontece, é bom ter em mente que perdoar alguém não significa que você precisa dar a ele ou ela a chance de machucá-lo novamente. Tudo bem, é compreensível se você estiver chateado com o que aconteceu! E se alguém o magoou de maneira grave, perdoar a pessoa não significa que você não possa responsabilizá-la.

O queisso significa é que você está disposto a olhar para o que aconteceu no contexto mais abrangente. Quando perdoamos, estamos dispostos a confiar que Deus julgará perfeitamente essa pessoa um dia. Estamos dispostos a confiar no fato de que o Salvador já pagou o preço por esse pecado, para que possamos aceitar o consolo que Ele oferece.

Será que estamos dispostos a nos libertar da ira do passado e deixar que o Senhor nos mostre como superar isso? Pode levar tempo, mas é possível!

Tudo começa com a oração

Se há alguém que você precisa perdoar hoje, talvez agora seja um bom momento para conversar com o Pai Celestial sobre isso.
Comentários
0